Carris começa a receber novos elétricos articulados em 2023

- Publicidade -

Além disso, a empresa deverá receber 30 novos autocarros elétricos, neste caso não articulados.

Cada vez mais as empresas tentam fazer a transição para veículos elétricos, embora tal objetivo exija um grande investimento e algum tempo até que tal aconteça.

Temos dado algum destaque à Carris Metropolitana, cujos autocarros elétricos entram em funcionamento até julho deste ano na Área Metropolitana de Lisboa. Mas e em relação à Carris em si, a operar no município de Lisboa e não só? Ora, também há novidades.

De acordo com o Diário de Notícias, a Carris receberá um total de 15 novos elétricos articulados até 2024, que irão reforçar a carreira 15E, que liga a Praça da Figueira a Algés.

O primeiro elétrico articulado será entregue em julho de 2023, ao qual se seguirá um período de testes de cerca de dois meses, esperando-se que, até ao final desse ano, a empresa tenha na sua frota um total de cinco destes novos veículos. Já os restantes 10 serão entregues durante 2024.

Além destas aquisições, a empresa receberá, já em 2023, um total de 30 novos autocarros elétricos, não articulados. No total, a Carris pretende, até 2025, adquirir 230 autocarros elétricos, sendo que, deste número, 120 serão autocarros standard 100% elétricos.

Ao DN, Tiago Lopes Farias, presidente da Carris, disse ainda que o objetivo é, até 2040, “deixar de ter autocarros na frota movidos a combustíveis fosseis”.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Relacionados

- Publicidade -

Mais recentes