Atualizações de nova geração de FIFA e Madden NFL ficam mais caras

A Electronic Arts alterou os termos de atualização dos seus dois maiores jogos desportivos.

- Publicidade -

Dual Entitlement. Foi com este nome pomposo que a Electronic Arts apresentou, em 2020, o seu sistema convoluto de atualização de jogos nesta fase de transição de gerações.

A proposta era relativamente simples, tal como exemplificamos: um jogador que comprasse qualquer edição de FIFA 21 para a PlayStation 4 ou Xbox One e que, ao longo do ano seguinte, até ao lançamento do próximo FIFA, adquirisse uma PlayStation 5 ou Xbox Series X|S, poderia atualizar o FIFA 21 para a respetiva plataforma da nova geração, sem qualquer custo adicional. Nada de muito complicado, é até bastante semelhante ao que a maioria dos jogos cross-gen fazem, com a exceção da existência de uma janela de tempo.

Agora, com FIFA 22 e Madden NFL 22 revelados, a Electronic Arts reescreveu as suas próprias regras, tornando o processo de atualização mais complicado e caro.

De acordo com a nova FAQ, a atualização “gratuita” das versões de PlayStation 4 e Xbox One para as versões da PlayStation 5 e Xbox Series X|S, que continuam limitadas por um período de tempo até à próxima edição de FIFA e Madden NFL, só será acessível através das Ultimate Edition de ambos os jogos.

Assim, se estão a pensar em comprar uma das novas consolas depois do lançamento de FIFA 22 ou Madden NFL 22, a Electronic Arts só deixa que atualizem os jogos através das suas Ultimate Edition, que custam 99,99€, cerca de 20€ a mais do que a versão normal, que já é elevadíssima.

Os jogadores com PlayStation 5 e Xbox Series X|S poderão comprar as respetivas versões do jogo sem passar por este processo.

FIFA 22 foi revelado este fim-de-semana para PC, PlayStation 4, PlayStation 5, Xbox One, Xbox Series X|S, Nintendo Switch e Google Stadia, tendo lançamento marcado para o dia 1 de outubro.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

FIFA 22 – O futuro do futebol virtual está aí. Chama-se HyperMotion

Depois de tantos anos a anunciar melhorias a isto ou aquilo, a Electronic Arts finalmente conseguiu re-trabalhar significativamente o jogo. Este é capaz de ser o melhor FIFA desde 2017.

Fiquem descansados: Seleções Portuguesas estão mesmo presentes em FIFA 22

Trata-se, portanto, de um erro da EA Sports aquando da divulgação da lista oficial de equipas.

Aqui está a banda sonora de FIFA 22. E é a maior de sempre

Estamos a poucos dias do lançamento do jogo.

Seleções nacionais aparentemente excluídas de FIFA 22

Sim, falamos tanto da equipa masculina como feminina. Será um erro?
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

AlgarveShopping inaugurou playground infantil ao ar livre

Agora é que os miúdos não vão querer outra coisa.

Guacamole GMG – Aqui há não só abacates biológicos, mas também muita comida mexicana

Fomos conhecer o spot do Cais do Sodré e, além da especialidade em guacamoles, poderão deliciar-se com muitas outras coisas.

A Electronic Arts revelou três jogos Star Wars em desenvolvimento

As aventuras virtuais vão continuar numa galáxia muito distante com a EA.