Artistas portugueses doam obras para apoiar jovens e crianças carenciadas perturbações de desenvolvimento e comportamento

Uma ação realizada por ocasião do Dia Mundial da Saúde Mental (10 de outubro).

Obra de Ana Jotta
Obra de Ana Jotta
- Publicidade -

Pelo quarto ano consecutivo, a CAPITI, Associação Portuguesa para o Desenvolvimento Infantil, realiza, por ocasião do Dia Mundial da Saúde Mental (10 de outubro), o leilão Dar a Luz a esta Causa, com o objetivo de angariar fundos para apoiar jovens e crianças carenciadas com perturbações de desenvolvimento e comportamento.

Pelas regras impostas pelo Estado de Contingência, nomeadamente a limitação no número de pessoas em ajuntamentos, a 4.ª edição do leilão adere a um novo formato. Até 15 de outubro, os interessados poderão ver todas as obras e fazer as suas licitações online. As licitações são aceites até ao dia do encerramento.

Durante o dia de 15 de outubro, será possível visitar a exposição das peças, no Museu da Eletricidade, Sala dos Geradores, entre as 13h e as 21h. A visita é realizada em turnos de 25 pessoas, a cada duas horas.

30 artistas portugueses, onde se incluem nomes como Ana Jotta, Jorge Molder, Salvador Colaço, Nuno Cera e Pedro Cabrita Reis, doaram as suas obras para serem leiloadas.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

Escola de Medicina da Universidade do Minho lança plataforma de autoavaliação da saúde mental

A Escola de Medicina da Universidade do Minho, em colaboração com o seu Centro de Medicina Digital P5, desenvolveu uma plataforma gratuita que permite fazer uma autoavaliação da saúde mental.

Hug-a-Group. Startup portuguesa quer tornar o apoio de saúde mental acessível a todos

Numa altura em que tópicos como a saúde mental estão na ordem do dia, a verdade é que nem todos conseguem ajuda.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Pingo Doce chega pela primeira vez aos Açores

O sortido do espaço conta com muitos produtos regionais, fruto das parcerias feitas com 129 fornecedores dos Açores.

Continente abre primeira loja em Gouveia

Continua a expansão da marca da Sonae.

Lagoa dos Salgados será classificada como área protegida de âmbito nacional

Há 21 anos que, em Portugal, não era classificada nenhuma área protegida de interesse nacional.