fbpx

Análise – F1 2018

A temporada de Fórmula 1 deste ano ainda vai mais ou menos a meio, mas os adeptos da modalidade já podem acelerar para o final do campeonato no asfalto virtual. É também, por volta desta altura do campeonato que a Codemasters lança o seu jogo anual licenciado pela FIA (Federação Internacional Automóvel). E este ano chegou-nos F1 2018.

Esta tem sido uma temporada cheia de novidades, como a saída do Grande Prémio da Malásia e o regresso do da França e da Alemanha, alterações de regulamentos com novos tipos de pneus, a introdução do halo de proteção para os pilotos e, até, a mudança de imagem da Fórmula 1.

2018 marca também o último ano de Daniel Ricciardo na equipa da Red Bull, antes de se juntar à Renault, e o fim da carreira de Fernando Alonso enquanto piloto da modalidade.

Enquanto que F1 2018 não apresenta alterações nos membros das equipas, atualiza-se em praticamente tudo o resto, adotando os novos regulamentos, os novos circuitos, os novos carros e as suas modificações. Acima de tudo, oferece um videojogo bem mais completo e afinado que as suas versões anteriores.

Não é a primeira vez que um F1 da Codemasters apresenta um modo de carreira profundo e cheio de mecânicas que nos fazem sentir um verdadeiro piloto, até porque não existem apenas as preocupações com os pedais e o volante quando se está na pista. Há outros fatores importantes como a disciplina, o treino, a manutenção do seu carro e até a camaradagem com a própria equipa.

F1 2018 traz uma campanha muito mais direta ao assunto e menos disruptiva que o ano anterior. E com esta simplicidade o jogo ganha mais densidade.

Escolhido o nosso perfil e a equipa em que queremos correr, ao longo da temporada vamos ter muito mais do que os Grandes Prémios. Entre eles, vamos ter dias de treino e qualificação da pole position, onde existem desafios para cumprir. Estes desafios podem ser de tempo, gestão de energia e combustível, teste de diferentes tipos pneus ou condições agrestes.

Estas atividades permitem-nos adquirir pontos para pesquisa e desenvolvimento de novas tecnologias, melhorando a performance dos nossos carros, mas, acima de tudo, para conhecermos as pistas, delinearmos uma estratégia de ida às boxes e perceber que ferramentas temos ao nosso dispor, caso seja preciso fazer alterações de última hora, caso comece a chover ou tenhamos algum problema grave a meio da competição.

Ainda entre provas, vamos ter momentos de desafios muito específicos que nos levam a conduzir outros carros, além da obrigação de dar entrevistas à comunicação social que servem para gerir a relação do jogador com a equipa. Contudo, na prática, os resultados não se fazem sentir.

A jogabilidade de F1 2018 é tão imersiva como o ambiente e as atividades que o jogo oferece. Com imensas opções de personalização, é possível escolher que tipo de ajudas queremos ou que tipo de indicadores visuais é que podemos ter no ecrã, de modo a tornar o jogo mais acessível ou desafiante.

Em momento algum o jogo parece imperdoável ou demasiado fácil quando optamos por ir de um extremo ao outro. Sem ajudas, é fácil perceber a autenticidade do jogo, ao requerer que se jogue com um volante em vez do comando. Já com todas as ajudas o jogo mantém-se desafiante o suficiente, sem que se deixe jogar sozinho.

É a mistura de elementos de roleplay que a campanha oferece com a jogabilidade cuidada que F1 2018 apresenta alguns dos momentos de maior adrenalina do género, em que podemos chegar às últimas voltas de uma prova, lado a lado com os nossos rivais, ao mesmo tempo que lutamos também pelo melhor tempo possível enquanto nos preocupamos com o combustível que temos para passar a meta. É incrível.

F1 2018 vem carregado de conteúdo. A nova edição contém todas as pistas e carros da competição atual, assim como algumas pistas extra e dezenas de carros clássicos, desde alguns dos mais modernos, aos clássicos das eras de Ayrton Senna ou Niki Lauda.

Para dar uso a tudo o que o jogo tem para dar, há que explorar os diversos modos. Dentro dos de multijogador, encontramos os tradicionais encontros rápidos, além de suporte para criar experiências competitivas, sendo que a Codemasters incluiu ainda eventos temporários que nos colocam à prova com os tempos de outros jogadores sob determinadas condições.

Para quem preferir jogar a solo existe modos de arcada, contratempo e uma quantidade enorme de campeonatos com playlists de eventos já preparadas.

Nos visuais e no áudio, F1 2018 também não se poupou, com uma apresentação aprimorada que oferece visuais realistas com um sistema de iluminação que, por vezes, nos vai fazer coçar os olhos. O aspeto fotorrealista do jogo não é, contudo, consistente, dependendo, por vezes, das condições atmosféricas ou da altura do dia em que corremos. É, sem dúvida, quando a “natureza” está contra nós que tudo se torna dinâmico e fantástico.

A nível de som, a banda sonora de F1 2018 faz-se com os sons dos carros que aceleram no asfalto. A acústica dos cenários torna tudo bastante imersivo, com as boxes vivas onde se ouvem diálogos, rádios, ferramentas e utensílios a serem usadas, o público a vibrar sempre que passamos pela meta, entre muito mais. Música a sério existe nos menus do jogo e nos replays, mas passam bem despercebidas.

O modo de replay e o de fotografia são os modos menos aprimorados de F1 2018. Nos replays, que serão usados com alguma frequência para ver uma ultrapassagem mais fantástica, ou para fazer o tempo andar para trás depois de um acidente, tendem a ser pouco fantásticos, apresentando erros visuais e quebras de fluidez constantes.

No modo de fotografia, apesar de ser completo em funções, é pouco prático de se usar e torna-se difícil de escolher os parâmetros corretos para uma fotografia fotorrealista.

Contudo, estes são elementos que não nos impedem de jogar F1 2018, uma vez que é um titulo extremamente completo, que vai satisfazer os fãs da modalidade e facilmente atrair novos fãs.

Com uma campanha imersiva e completa, uma jogabilidade sólida e desafiante e com muitas maneiras diferentes de jogar, F1 2018 é, até agora, o melhor jogo de corridas do ano.

F1 2018 está disponível para PC, PlayStation 4 e Xbox One.

F1 2018
Nota: 9/10

Este jogo foi cedido para análise pela Ecoplay.

- Publicidade -

Afiliados

Sigam-nos

10,779FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
628SeguidoresSeguir

Media Partner

Relacionados

Análise – Minoria

Curto, difícil e muitas vezes implacável – assim é este metroidvania que acaba de chegar às consolas.

Arrefece o teu PC com os novos coolers luminosos da Corsair

As novas apostas de arrefecimento a liquido da Corsair trazem todas as cores às vossas torres.

O Xbox Game Pass para PC vai ficar um pouco mais caro

O período de incentivo termina este mês.

Análise – Shing!

Parem as hordas de demónios neste jogo de ação mediano.
- Publicidade -

Mais Recentes