Estará a Amazon a trabalhar num concorrente do YouTube?

É algo prematuro afirmar que a gigante do comércio online está a produzir um rival da plataforma de vídeo da Google, mas essa ideia pode nem ser assim tão descabida.

Foi no início deste mês que a Google anunciou a remoção da aplicação do YouTube do Amazon Fire TV e do Amazon Echo Show, um equipamento com um ecrã pequeno e com as proporções ideais para ver vídeos curtos. Nesse mesmo dia, a Amazon fez o pedido de registo para duas novas patentes: Amazontube e Opentube.

A descrição destas patentes refere “oferecer serviços que disponibilizam conteúdo pré-gravado de vídeo e áudio a ser transmitido através da Internet”, ou seja, são descrições muito vagas e que podem abranger praticamente tudo, o que se enquadra perfeitamente na forma de funcionamento do Youtube.

E não, não estamos a falar do serviço de streaming Amazon Video, que é um concorrente de serviços como a Netflix, mas sim de um portal online inteiramente novo.

A Amazon já tem um serviço parecido. Chama-se Amazon Video Direct e permite carregar vídeos que podem ser vistos pelos utilizadores da modalidade Amazon Prime. Ora, este não é, de todo, um concorrente do YouTube, até porque a sua atuação fica muito limitada, mas a nova ideia da tecnológica pode levar à extinção deste serviço para dar lugar a outro mais abrangente.

Há também a possibilidade de este Amazontube/Opentube ser uma aplicação que irá correr em exclusivo nos produtos Amazon, até porque a empresa de Jeff Bezos quer ter vídeos nos seus produtos, mas com um layout diferente daquele apresentado pelo YouTube.

Contudo, seria muito mais interessante se surgisse um verdadeiro concorrente da plataforma da Google. Afinal de contas, a gigante de Redmond domina este segmento de mercado e pulveriza a concorrência, pelo que seria muito interessante assistir a uma guerra entre dois serviços.

Além disso, o YouTube é cada vez mais popular, mas as queixas das suas estrelas, os youtubers, são cada vez em maior número, pelo que, se surgisse uma verdadeira alternativa com possibilidade de bons ganhos, muitos youtubers poderiam mudar-se para uma nova plataforma e deixar a Google em maus lençóis.


 

- Publicidade -

Sigam-nos

10,450FansCurti
4,041SeguidoresSeguir
529SeguidoresSeguir

Relacionados

Amazon compra os direitos internacionais de Little Fires Everywhere

A Amazon Prime Video, a plataforma de streaming da gigante tecnológica, anunciou que comprou os direitos internacionais de Little Fires Everywhere, da Hulu.

Devemos usar os CTT para devolver produtos à Amazon?

Quem compra na Amazon, principalmente produtos vendidos e enviados pela própria empresa, sabe que tem naquela loja um magnífico apoio ao cliente, ao ponto de ser das melhores, senão a melhor, loja online nesse aspeto.

SixthContinent limita uso de créditos e impede compra de cartões fora da loja portuguesa

Quanto o SixthContinent foi descoberto, não existia nem loja portuguesa nem língua portuguesa no site. Tal só surgiu muitos meses depois após a adesão em massa dos portugueses a esta plataforma. Porém, sempre foi possível comprar cartões em Espanha ou outros países... até agora.

Benfica é o primeiro clube português a lançar uma loja na Amazon

Camisolas, calções, meias, sweats e vários acessórios. Estes são os produtos do SL Benfica que se podem agora adquirir na Amazon.
- Publicidade -

Mais Recentes

Crítica – The Lovebirds

The Lovebirds possui duas prestações maravilhosas, mas tal não chega para evitar um filme aborrecido.