Iniciativa da Fundação Calouste Gulbenkian vai ajudar alunos mais vulneráveis a recuperar aprendizagens

Um projeto que tem o apoio do Ministério da Educação.

alunos
- Publicidade -

Entre março e junho de 2020, crianças e jovens não só foram privadas do ensino presencial de que tanto precisam, como viram acentuadas as desigualdades académicas inerentes às dificuldades de acesso ao ensino à distância. Aliás, a existência da alternativa #Estudoemcasa só veio agravar essa realidade.

É neste contexto que a Fundação Calouste Gulbenkian lança o projeto GAP – Gulbenkian Aprendizagem, uma iniciativa que pretende apoiar pelo menos 5.000 alunos dos ensinos básico e secundário a recuperar aprendizagens perdidas em três áreas disciplinares do currículo: Português, Inglês e Matemática, bem como a desenvolver competências importantes para o estudo autónomo.

O apoio dado aos alunos de cerca de 120 escolas nestas três áreas será prestado através de Mentorias Académicas. Sistema inovador em Portugal, estas mentorias serão levadas a cabo de forma individual, em pequenos grupos ou na sala de aula (em tempo curricular, presencial ou online), por uma bolsa de 30 a 60 mentores da Associação Teach For Portugal, com a colaboração da Associação Portuguesa de Professores de Inglês, da Sociedade Portuguesa de Matemática (SPM) e das Universidades do Porto e do Minho. Prevê-se que sejam prestadas, entre janeiro e junho de 2021, cerca de mil horas de mentoria semanal.

Em complemento a estas mentorias, a Sociedade Portuguesa de Matemática vai assegurar Aulas de Matemática a um conjunto de turmas deste universo que, devido aos efeitos da situação pandémica, estejam sem professor a esta disciplina. As aulas de Matemática, asseguradas por uma bolsa de professores voluntários constituída pela SPM, serão lecionadas (de forma virtual ou presencial) a partir do mês de dezembro.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Sigam-nos

12,792FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
656SeguidoresSeguir

Relacionados

Alunos do 11º e 12º ano podem voltar às aulas a 18 de maio. Creches e comércio geral reabrem a 1 de junho

A informação é avançada pelo jornal Público, se bem que estas podem não ser as datas finais.

Alunos até ao 9º ano vão ter aulas através da televisão

Numa altura em que é cada vez mais certo que as aulas presenciais continuem suspensas para alunos até ao...

Tools4Edu. Esta plataforma disponibiliza tutoriais e boas práticas a professores e alunos

Há várias plataformas digitais que permitem as aulas à distância, mas nem todos estão à vontade com a tecnologia. Para os docentes, os miúdos e os pais, decifrar estas ferramentas pode revelar-se um pesadelo. E com as escolas fechadas sabe-se lá até quando, as salas de aula passaram a ser a casa de cada aluno e professor.

PARTIS, a iniciativa que quer dar voz à imprevisibilidade da arte comunitária e participativa

É de 24 a 26 de janeiro, na Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa, que irá decorrer mais uma iniciativa PARTIS – Práticas Artísticas de Inclusão Social
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Tomb Raider e King Kong serão as próximas personagens adaptadas para anime pela Netflix

A gigante do streaming agarra mais duas grandes propriedades para adaptar.

Este ano, todas as estreias da Warner Bros. vão estrear em formato digital

Alguns dos maiores blockbusters de 2021 chegam ao cinema e ao HBO Max.

Vem aí o reboot de Spy Kids

E traz de volta Robert Rodriguez, criador da saga original.