Não haverá festas de passagem de ano no Algarve

- Publicidade -

E foram também canceladas várias iniciativas que integravam a programação de Natal.

Na Reunião do Conselho Intermunicipal da Comunidade Intermunicipal do Algarve (AMAL), realizada na passada sexta-feira, dia 3 de dezembro, os autarcas dos 16 municípios da região consideraram não estar reunidas as condições para permitir a realização de espetáculos na Passagem de Ano.

Assim, no contexto de pandemia que atualmente se vive, e atendendo à recente evolução epidemiológica, os Municípios do Algarve deliberaram que não irão realizar os espetáculos e festas de Passagem de Ano nos concelhos da região.

Mesmo que estas iniciativas fossem de realização ao ar livre, teriam que obedecer a um conjunto de orientações da DGS que os autarcas afirmam não haver condições para serem cumpridas, uma vez que implicam uma grande concentração de pessoas.

Quanto ao Fogo-de-Artifício, alguns autarcas irão manter essa tradição, sendo que outros decidiram não avançar uma vez que podem promover aglomeração de pessoas. Por esta razão também, foram canceladas várias iniciativas que integravam a programação de Natal.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Relacionados

- Publicidade -

Mais recentes