AdvanceCare disponibiliza avaliador de sintomas COVID-19 a todos os portugueses

Anteriormente, este avaliador somente estava disponível para clientes da empresa.

AdvanceCare
- Publicidade -

De forma a apoiar e aliviar o SNS, eis que a AdvanceCare resolveu disponibilizar, de forma gratuita, o acesso ao seu avaliador de sintomas COVID-19. Esta funcionalidade está disponível há cerca de seis meses, mas apenas em “piloto” para clientes Tranquilidade, sendo que, agora, chega a toda a gente, sejam ou não clientes da empresa.

O acesso ao avaliador de sintomas é muito intuitivo e fácil, iniciando-se através do acesso ao myAdvanceCare (registo sem custos), seguindo-se depois uma série de questões, colocadas de forma simples e clara, relativas aos sintomas que a pessoa possa estar a desenvolver. Termina com um indicador de urgência e informação do procedimento recomendado a seguir, nomeadamente a realização de uma consulta online ou, no limite, a deslocação a um hospital ou mesmo o contacto para o INEM.

Os contactos telefónicos estão integrados permitindo, na mesma operação, aceder com celeridade aos serviços de saúde mais indicados para o caso.

Este avaliador de sintomas é um serviço inovador que permite o acesso a um conjunto de recomendações, bem como a orientação em relação aos procedimentos a desenvolver em caso de doença, tratando-se de um assistente pessoal baseado em inteligência artificial.

No “piloto” realizado com cerca de 250 mil clientes, foi possível concluir que que 60% dos participantes não necessitaram de recorrer a uma consulta física após a avaliação (necessitando apenas de auto-cuidados ou consulta online) e que 80% dos avaliados seguiram as recomendações que receberam.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

Deve-se ou não vacinar os jovens entre os 12 e os 15 anos contra a COVID-19?

Na ótica da Direção-Geral de Saúde, só é recomendável que se vacinem os jovens se eles tiverem comorbilidades associadas, que possam conduzir a uma doença grave ou à morte.

Centro Colombo faz testes gratuitos à COVID-19

O processo está a ser coordenado pelos profissionais de saúde da Farmácia Colombo, que comunica todos os resultados às autoridades competentes.

DGS recomenda realização de testes à COVID-19 em casamentos com mais de 10 pessoas

No caso de eventos de natureza cultural ou desportiva, recomenda-se a testagem sempre que o número de participantes/espectadores seja superior a 1.000, em ambiente aberto, ou superior a 500, em ambiente fechado.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Portugueses consomem duas vezes mais calorias do que o recomendado

Os dados revelados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE) levaram a Ordem dos Nutricionistas a pedir medidas ao Governo. Há...

The Lightbringer – Uma aventura poética

Um jogo de plataformas interessante com algumas escolhas de design que o tornam num produto bizarro.

Suicide Squad: Kill the Justice League com direito a trailer de história

Suicide Squad está de regresso numa aventura virtual com uma missão impossível.