Vodafone lança mais dois produtos da sua gama IoT

- Publicidade -

A Vodafone Portugal acaba de lançar o V-Kids Watch e a V-SOS Band, dois novos produtos da família V by Vodafone, uma gama de equipamentos IoT que torna o quotidiano dos consumidores mais fácil e simples.

O V-Kids Watch é um relógio inteligente, de marca TCL, desenvolvido especialmente para crianças entre os cinco e os dez anos. Com o V-Kids Watch, os pais conseguem saber sempre, em tempo real, a localização dos seus filhos e comunicar com eles diretamente através do relógio por mensagens de voz, graças ao cartão V-SIM que o equipamento traz.

Este smartwatch destaca-se ainda pelas seguintes funcionalidades:

  • Zonas de segurança – possibilidade de definir perímetros de segurança e receber notificações se a criança sair dessa área;
  • Botão SOS – em qualquer urgência, a criança pode pressionar o botão SOS que envia um alerta para os familiares selecionados, sem precisar de rede Wi-Fi, nem de ligação bluetooth;
  • Aplicações – permite enviar mensagens de voz e emojis para smartphones e entre V-Kids Watch, para até cinco pessoas, além de agendar lembretes, aceder a jogos e usar a calculadora.
  • Bloqueio de funcionalidades – possibilidade de definir períodos em que as mensagens e os jogos ficam desativados (durante uma aula, por exemplo), bem como consultar remotamente na App a carga da bateria, cuja autonomia é de cerca de três dias.

O equipamento encontra-se disponível por 119,90€ (preço promocional incluído na campanha de regresso às aulas) e o serviço tem uma mensalidade de 4,50€, sem qualquer período de fidelização.

Já para situações de emergência surge o V-SOS Band, uma pulseira inteligente ideal para quem quer manter a sua autonomia e independência, e se sente mais seguro sabendo que pode pedir ajuda sempre que necessitar.

A pulseira permite selecionar até cinco contactos, que recebem avisos em caso de emergência, destacando-se pelas seguintes funcionalidades:

  • Botão SOS – quando o botão SOS é pressionado durante alguns segundos os contactos de emergência são notificados e a localização do utilizador é partilhada. O utilizador sabe que um dos contactos vem em seu auxílio quando a pulseira muda de cor;
  • Deteção de quedas – em caso de queda os contactos de emergência são notificados e a localização do utilizador é partilhada, garantindo assim que o auxílio é imediato e mais eficaz. O mesmo acontece quando a pulseira é retirada durante mais de uma hora e quando entra em modo de ‘bateria fraca’;
  • Durabilidade longa – o equipamento tem uma bateria que dura cerca de um mês, mas apenas demora duas horas a carregar por completo. É ainda resistente à água.

A pulseira já está à venda com o preço de 69,90€ e com uma mensalidade associada de 3,00€, sem qualquer período de fidelização.

Os novos wearables juntam-se agora ao V-Auto, V-Cam, V-Pet e V-Bag. A tecnologia está baseada no cartão V-SIM e na aplicação móvel V by Vodafone que sustentam a conectividade IoT.


 

- Publicidade -
- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

Vodafone chegou a acordo para adquirir a NOWO

Isto poderá fazer com que a operadora se expanda para cidades que, até aqui, não possuem a fibra Vodafone.

MEO, NOS e Vodafone prolongam oferta de 5G gratuito até 15 de outubro

E vamos ver se, chegada a data limite, essa gratuitidade não é novamente prolongada.

MEO e Vodafone obrigadas a levar Internet de 100 mbps a 100 freguesias. Saibam quais

São freguesias que não estão abrangidas pelas obrigações do regulamento do 5G.

Nova campanha da Vodafone dá duas semanas de dados móveis ilimitados no verão. Mas há um senão

É que, durante o período dessa oferta, o serviço de internet móvel está limitado a uma velocidade de 10 mbps.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Makro vai abrir um marketplace que estará disponível para todos os clientes

Mesmo para aqueles que não têm acesso às lojas físicas.

Roger Waters marca segundo concerto em Portugal

Isto tudo porque o primeiro concerto já esgotou.

Vodafone chegou a acordo para adquirir a NOWO

Isto poderá fazer com que a operadora se expanda para cidades que, até aqui, não possuem a fibra Vodafone.