Em breve poderás ter que pagar para ver os teus streamers favoritos no Twitch

- Publicidade -

O serviço de transmissões em direto mais popular da comunidade dos videojogos recebeu uma nova função em fase experimental.

Chama-se Subscriber Streams e vai permitir que os criadores de conteúdo cobrem o valor de uma subscrição para que possam assistir às suas emissões.

Segundo o comunicado partilhado no blog do Twitch, o Subscriber Streams é uma nova forma para os produtores de conteúdo mais dedicados poderem beneficiar da plataforma e dos seus maiores fãs.

Assim, o público, quer tenha ou não uma subscrição do Twitch Prime, irá encontrar estes streamers pagos com uma pré-visualização da transmissão a decorrer. Se gostarem, podem dar uma “gorjeta” de entrada ao tornarem-se subscritores.

Produtores de conteúdo e influenciadores têm agora mais uma forma de tirar partido de conteúdos extra e das suas comunidades. Esta nova função parece vir expandir serviços como o Patreon, onde os membros de uma determinada comunidade podem pagar um valor mensal para obterem acesso a conteúdos exclusivos ou antecipados.



A existência desta função poderá transformar a forma como se utiliza o Twitch, com alguns dos maiores streamers a poderem tirar partido desta nova forma de monetização. Mas a funcionalidade não é para todos.

No mesmo comunicado, o Twitch revela que quer dar a oportunidade a todos de poderem usar o Subscriber Streams, mas existem requisitos. Entre eles está o bom comportamento na plataforma, seguindo as diretivas durante 90 dias. Se houver alguma denúncia ou suspensão, não será possível, durante esse período, tirar partido da função, e os streamers terão que usar o Twitch da forma tradicional.

O anúncio desta função foi acompanhado de outros detalhes e de um FAQ informativo no blog do Twitch, que pode ser lido aqui.

O Subscriber Streams começou ontem numa fase beta, o que significa que poderá não estar ainda disponível para todos os criadores.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome