Trotinetes da Bird vão sair de Tomar

- Publicidade -

Serão estes veículos pouco utilizados? Ou a decisão está relacionada com os atos de vandalismo?

Mal estacionadas, dentro de contentores, lançadas ao rio ou, simplesmente, vandalizadas, com várias peças a serem retiradas para, depois, serem vendidas. Tem sido assim a realidade de utilização das trotinetes elétricas em vários municípios do país, como em Tomar, que vai, em breve, ficar sem estes veículos da Bird.

É o que diz o jornal regional Tomar na Rede, revelando que a empresa vai anular o Termo de Cooperação assinado em dezembro de 2020 entre o Município de Tomar e a Fastbird Rides Portugal.

Recorde-se que estes veículos chegaram ao município em abril de 2021, em fase piloto, e têm vindo a permitir que os tomarenses se desloquem para diversos pontos da cidade por 0,15€/minuto.

Não se sabe, ao certo, os motivos por detrás desta decisão de retirar as trotinetes da Bird do município. Em todo o caso, existem várias operadoras destes veículos a trabalhar em Portugal, pelo que não seria surpreendente vermos as trotinetes da Bolt ou da LINK chegarem eventualmente a Tomar.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Relacionados

- Publicidade -

Mais recentes