Empresa portuguesa vai lançar farinha de insetos ainda este ano no mercado

A Thunder Foods procura soluções de alimentação humana mais sustentáveis.

- Publicidade -

Lembram-se quando, no passado mês de abril, referimos aqui no Echo Boomer que a Agência Europeia de Segurança Alimentar tinha passado a autorizar as larvas de besouro para consumo, passando a ser o primeiro inseto comestível a ser aprovado na Europa para ser utilizado como ingrediente na alimentação humana? Pois bem, há uma empresa portuguesa que quer aproveitar.

A Thunder Foods é uma empresa portuguesa que opera no ramo da investigação de novas soluções nutricionais mais sustentáveis para a alimentação humana e que, atualmente, está a iniciar a procura de investidores para a implementação da sua primeira unidade industrial de produção e processamento de insetos em larga escala, que representa um investimento de cerca de cinco milhões de euros.

Essencialmente, a nova unidade será dedicada à produção de farinha de Tenebrio molitor, produzida a partir de larvas de escaravelho, também conhecida como “farinha amarela”.

Criada pelo atual Presidente da Portugal Insect – Associação Portuguesa de Produtores e Transformadores de Insetos, Rui Nunes, a Thunder Foods traz um novo conceito para o mercado – nutrição sustentável e de elevada qualidade – focado no uso de fontes nutricionais que demonstrem capacidade de contribuir para a alimentação do futuro com menos impacto ambiental.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Há um novo restaurante Burger King em Alcochete

É o primeiro na zona e o 10º no distrito de Setúbal.

Serviços públicos essenciais obrigados a ter linhas telefónicas gratuitas

As empresas têm agora até ao próximo dia 1 de novembro para fazer cumprir este decreto-lei.