fbpx

The Hood é o primeiro anti-centro comercial a chegar a Portugal

Não suportam centros comerciais? São daqueles que fazem um frete cada vez que sabem que têm de ir perder tempo da vossa vida fechados num espaço cheio de lojas desinteressantes? Pois bem, chegou “a cura” para todos vós. Chama-se The Hood e é o primeiro anti-centro comercial a existir em Portugal.

Este é um conceito inovador em Portugal, uma espécie de bairro, onde existe arte, conceitos e experiências. É toda uma reunião de componentes artísticas, criativas e lúdicas que tornam este espaço bem diferente. Tem 6.000m2, 1.700 dos quais são espaço locatável, bem como áreas outdoor e indoor, e fica localizado no concelho da Amadora, na praça central do UBBO, antigo Dolce Vita Tejo.

Até as marcas deste The Hood foram escolhidas criteriosamente tendo em conta o conceito do espaço. Neste anti-centro comercial, ao invés de lojas, existem contentores, que alojam conceitos como uma barbearia, um estúdio de tatuagens e um espaço de yoga e meditação. Depois, dentro e fora dos contentores, acontecem eventos, atividade lúdicas e desportivas, mercados e exposições. O objetivo é dar destaque a artistas promissores, ao mesmo tempo que se cria um lugar de lazer, entretenimento e fruição cultural como ainda não se viu em Portugal.

The Hood

A arte urbana é também outro dos grandes atrativos deste espaço, com paredes, chão e tectos trabalhados por artistas como Antonyo Marest, Halfstudio e Aheneah e mobiliário personalizado pelo Colectivo Warehouse. Para 2020, estão previstas intervenções artísticas regulares neste hub criativo.

Além das marcas, o The Hood tem ainda opções para toda a família, como áreas de retalho de marcas conhecidas como Hurley ou Forallphones, zonas de chill-out, opções de restauração como Ribs & Company Barbecue, Frankie Hot Dogs ou Don Ciccio Pizzaria, piquenique, espaços sociais e uma área com um programação diversa dedicada à arte, desporto, lazer e cultura.

Melhor de tudo? O The Hood tem ainda uma vertente social para ajudar a desenvolver a área suburbana de Lisboa através do apoio à reabilitação urbana e integração sócio-cultural.

Podem passar por este anti-mall todos os dias, das 10h às 23h.

- Publicidade -

Afiliados

Sigam-nos

10,779FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
628SeguidoresSeguir

Media Partner

Relacionados

A primeira Primark a abrir em Portugal acabou de ficar ainda maior

São 4.900 m2 carregados dos produtos que tão bem conhecem. O UBBO tem, portanto, a maior loja Primark de Lisboa.

The Hood. O primeiro anti-centro comercial de Portugal vai ter lojas e restaurantes pop-up

O espaço contará, para já, com um contentor e dois autocarros que vão acolher as primeiras marcas.

Centro comercial UBBO recebe grande evento de moda durante três dias

Muitos talvez ainda não saibam, mas o UBBO é o centro comercial que, até há relativamente pouco...
- Publicidade -

Mais Recentes

Science4You lançou para o mercado o primeiro brinquedo do mundo sobre a COVID-19

A nova aposta da marca pretende que os mais novos aprendam sobre o mundo da imunologia e de que forma se podem proteger de vírus, fungos e bactérias, através de várias experiências e ferramentas didáticas.

MO lança linha especial de longsleeves anti-COVID para crianças

A coleção é inteiramente desenhada e fabricada em Portugal.