fbpx

Tim Bernardes, Holly Miranda e Conner Youngblood no Super Bock em Stock

No próximo mês de novembro, as melhores propostas musicais vão animar os 12 palcos espalhados pela Avenida da Liberdade, em Lisboa. O cartaz ganha forma e há mais três nomes que combinam com a toada indie que sempre caraterizou o Super Bock em Stock: Tim Bernardes, Holly Miranda e Conner Youngblood.

É caso para dizer que a música brasileira está bem e recomenda-se. Pelo menos é isso que se sente sempre que se ouve a música de Tim Bernardes. O jovem músico é compositor, produtor musical e também multi-instrumentista. Até aqui, o talento de Tim tem estado ao serviço da banda O Terno, o que resultou em três discos e um EP muito recomendáveis. A banda não acabou, continua a fazer parte do futuro, mas Tim decidiu aventurar-se também a solo e editou o seu primeiro disco, Recomeçar, no ano de 2017, de onde se destacam canções como “Recomeçar”, “Tanto Faz” ou “Quis Mudar”.

Holly Miranda tem um público fiel e uma crítica cada vez mais rendida ao seu trabalho. Além dos discos a solo e com a banda The Jealous Girlfriends, Holly já colaborou com Scarlett Johansson e tocou com artistas tão reputados como Florence And The Machine, Karen O, Lou Reed, The xx ou Lesley Gore… O quinto disco, Mutual Horse, chegou em 2018 e, segundo a própria artista, trata-se do registo mais alegre e divertido da sua carreira.

Cresceu em Dallas, estudou em Yale e, mais tarde, assentou em Nashville. Independentemente do lugar por onde andou, a música sempre fez parte da vida de Conner Youngblood. Com uma linguagem muito própria, onde a música folk se mistura com a eletrónica, Conner assume-se com uma das mais interessantes revelações indie dos últimos tempos. Uma prova disso mesmo é o EP The Generation Of Lift, editado em 2016, que elevou (e muito) a fasquia para o disco de estreia, Cheyenne, editado em 2018. Temas como “The Birds of Finland”, o single deste primeiro álbum, fazem crescer as expetativas para o concerto em Lisboa, na próxima edição do Super Bock em Stock.

Já confirmados: Birds Are Indie, Cavalheiro, Charles Watson, Conan Osiris, Conner Youngblood, Elvis Perkins, Éme, Holly Miranda, Iguanas, Johnny Marr, Jungle, Nakhane, Natalie Prass, Rejjie Snow, Still Corners, The Harpoonist and the Axe Murderer, The Saxophones, Tim Bernardes e U.S. Girls.

O bilhete único válido para os dois dias do festival encontra-se à venda nos locais habituais, pelo preço de 45€, passando a 50€ nos dias do evento.


 

- Publicidade -

Afiliados

Sigam-nos

10,779FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
629SeguidoresSeguir

Media Partner

Relacionados

Festival Gastronomia de Bordo acontece em Peniche já em outubro

Este ano, o festival Gastronomia de Bordo em Peniche adaptou-se às novas circunstâncias e fica circunscrito à experimentação dos pratos em apenas alguns restaurantes.

Clã, David Fonseca e Lena D’Água vão atuar no FNAC Live Box Edition

A entrada, como é habitual neste festival da FNAC, é gratuita.
- Publicidade -

Mais Recentes

Domino’s Pizza chegou a Leiria

A marca continua a sua expansão por Portugal.

Alain Afflelou lança óculos de sol fabricados com plásticos retirados do oceano

Em cada par de óculos H2O foram utilizadas cinco garrafas de plástico recuperado do oceano.

Turismo de Lisboa apresenta a nova rota de Arte Urbana

Lisboa foi escolhida por muitos artistas portugueses e internacionais para ser a sua tela.