Cuidado com os sites falsos que se fazem passar por lojas de roupa

O mais grave? É que até aparecem destacados nas pesquisas efetuadas no motor de busca da Google…

- Publicidade -

Já estamos fartos de o dizer, mas é preciso, mais que nunca, ter atenção a todos os detalhes quando visitamos um site: o URL, o tipo de linguagem utilizado, as opções de pagamento… Existem cada vez mais burlas na Internet, umas mais inteligentes que outras, mas cabe sempre a nós, utilizadores, estarmos atentos para que nunca sejamos enganados.

Regra geral, é fácil descobrir quando estamos perante um site falso, embora várias pessoas acabem sempre por cair na esparrela. Desta vez, damo-vos um novo alerta, novamente proporcionado pelo youtuber Hugo Medeiros, que tem vindo a fazer um verdadeiro serviço público no que toca a burlas online.

Desta vez, o conhecido youtuber dá um alerta para sites falsos que se fazem passar por lojas de roupa. O mais preocupante? É muito fácil esses sites fraudulentos serem visitados por muitas pessoas.

Nomes de lojas como a Stradivarius e a Tiffosi estão a ser utilizados para a criação de sites falsos, com o objetivo de fazer com que o utilizador comum seja enganado. No fundo, o que os burlões pretendem é que os compradores coloquem os dados do seu cartão de crédito nestes sites falsos. A partir daí, com esses dados, os burlões vão tentar roubar o máximo de dinheiro possível.

Os sites em questão são https://www.tifsioutlet.online e https://stradivoutlet.my-free.website. Para já, o url de ambos não faz sentido algum. Porque haveria uma marca utilizador um endereço .online quando pode utilizar o .pt ou o .com? Só aqui têm logo um alerta. No caso do site falso da Stradivarius, a questão ainda é mais flagrante, pois utiliza o my-free.website.

Ora, se visitarem esse site falso só por curiosidade, e fizerem scroll até ao fim da página, irão reparar que o site foi construído com recurso a uma ferramenta para elaboração de websites, ferramenta essa que qualquer pessoa pode utilizar. Logo aqui, não faria qualquer sentido uma empresa como a Stradivarius recorrer a um serviço gratuito de websites, certo?

Ainda em relação a este site falso da Stradivarius, se passarem o rato por cima de uma qualquer página, irão reparar que o site que vai abrir é o aemr.top, que depois reencaminha não para o stradivoutlet.my-free.website, mas para o www.stradioutlet.online. Novamente, é flagrante, e rapidamente percebemos que estes dois sites falsos foram construídos pela mesma pessoa.

Outro detalhe que facilmente denuncia ambos os sites é na secção do footer. Em ambos os sites, se clicarem nos ícones das redes sociais, irão reparar que não existe nenhuma ligação associada. Ligeiramente acima do footer, reparam em três banners que dizem “GARANTIA DE DEVOLUÇÃO DE DINHEIRO!”, “TECNOLOGIA DE SUPORTE 24/7” E “ENTREGA GRÁTIS”. Mas se clicarem, nada acontece.

Ainda assim, ambos os sites falsos estão relativamente bem construídos e podem perfeitamente enganar umas quantas pessoas, porém, se atentarem na linguagem, rapidamente percebem que está ser utilizado o Português do Brasil (PT-BR) e não o Português Europeu (PT-PT).

O mais grave? No seu vídeo, Hugo Medeiros diz que, ao fazer uma pesquisa no motor de busca da Google pelo termo “Stradivarius”, aparece-lhe em primeiro lugar um anúncio… que remete para esse tal site falso. Fizemos o mesmo teste e, de facto, esse anúncio aparece efetivamente, mas no nosso caso somente na segunda página. Isto no PC, se pesquisarem no smartphone também irão rapidamente encontrar este anúncio falso. No caso da Tiffosi, não encontrámos nenhum anúncio no motor de busca da Google.

site falso stradivarius pesquisa google
Como é que a Google não deteta que é um site falso?

Isto é especialmente grave quando sabemos que o site oficial da Stradivarius tem milhões de visitas mensalmente. Já o site da Tiffosi tem, em média, 400.000 visitas por mês (os dados são do SimilarWeb, ferramenta utilizada na indústria).

Fica dado mais um alerta. Já sabem, analisem todos os detalhes ao pormenor (tenham especial atenção ao URL/domínio utilizado), pois só assim conseguirão safar-se de todos estes esquemas da Internet.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Não haverá festas de passagem de ano no Algarve

E foram também canceladas várias iniciativas que integravam a programação de Natal.

Análise – Sony Pulse 3D Midnight Black

Fez no passado mês de novembro um ano desde que a PlayStation 5 chegou ao mercado. Com ela vieram também os primeiros acessórios, entre eles os Sony Pulse 3D, que recentemente tiveram um “relançamento” numa nova cor.