Seis antigas estações ferroviárias vão ser reabilitadas

O turismo em antigas estações ferroviárias poderá ser mais um atrativo a juntar a outras áreas como as praias fluviais ou o enoturismo.

- Publicidade -

O Estado lançou os concursos para a reabilitação e exploração de seis antigas estações ferroviárias inseridas no Fundo Revive Natureza, cujas candidaturas podem ser apresentadas até 26 de janeiro de 2022.

Trata-se das estações de Vale de Paio e Vimieiro, no concelho de Arraiolos; de Montoito, no concelho de Redondo; de Represas, no concelho de Beja; de Sousel, no concelho de Sousel; e de Vale do Peso, no concelho do Crato. Incluem edifícios de passageiros, cais cobertos, armazéns, habitações e terrenos adjacentes.

Na cerimónia, que decorreu na estação de Vale do Peso, a Secretária de Estado do Turismo, Rita Marques, afirmou que o turismo em antigas estações ferroviárias poderá ser mais um atrativo a juntar a outras áreas como as praias fluviais ou o enoturismo. “O turismo ferroviário vai conseguir trazer maiores fluxos turísticos a estas regiões e fazer os turistas ficar um maior número de noites nestes territórios”, disse Rita Marques.

Esta é a quarta fase do Fundo Revive Natureza, tendo antes sido lançados concursos de antigas casas de guardas-florestais e de postos da antiga Guarda Fiscal devolutos. O Revive Natureza visa a requalificação e valorização de imóveis públicos devolutos, com o objetivo de compatibilizar a conservação, recuperação e salvaguarda dos valores em causa com novas utilizações, que beneficiem as comunidades locais e atraiam novos visitantes e fixem novos residentes.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

O novo hambúrguer da Burger Wheels é de comer e chorar por mais

Não só já provámos, como até repetimos.

Blade of Darkness – À lei da espada

Um regresso ao passado competente que merecia algumas melhorias na jogabilidade.