- Publicidade -

Querem um novo Samsung Galaxy S20? E porque não comprar às prestações?

-

- Publicidade -

Tal como se faz com eletrodomésticos, consolas, computadores e toda outra panóplia de produtos, é cada vez mais comum optar pela compra de smartphones às prestações. E se estavam a pensar adquirir um dos novos modelos da linha Samsung Galaxy S20, saibam que também podem ir pagando mensalmente os equipamentos.

No caso da NOS, a operadora tem disponíveis as quatro variantes do Samsung Galaxy S20 apresentadas. Assim, podem optar por comprar a versão S20 pagando uma mensalidade de 21€/mês, durante 36 meses, e com uma entrada de 173,99€. Também podem pagar em 24 meses, sendo que, nesse caso, a prestação sobe para os 31,50€/mês.

O mesmo acontece para o S20+ 4G (entrada de 201,99€ e prestações de 23€/mês durante 36 meses ou 34,50€/mês durante 24 meses), S20+ 5G (entrada de 229,99€ e prestações de 25€/mês durante 36 meses ou 37,50€/mês durante 24 meses) e S20 Ultra 5G (entrada de 299,99€ e prestações de 30€/mês durante 36 meses ou 45€/mês durante 24 meses).

Além disso, a NOS tem também disponível para pré-compra o Galaxy Z Flip, por 1.519,99€ se adquirido online. Podem, claro, pagar às prestações (entrada de 449,99€ e prestações de 30€/mês durante 24 meses e 45€/mês durante 24 meses).

Já na MEO também é possível fazer o mesmo, mas aquela operadora dá a opção aos clientes de pagaram o equipamento na totalidade em 12 meses.

Assim, o S20 base requer uma entrada de 186€ e depois pode ser pago em 36 meses (20,66€/mês), 24 meses (31€/mês) ou 12 meses (62,03€/mês).

Já o S20+ 4G requer uma entrada de 206€ e prestações de 22,89€/mês durante 36 meses, prestações de 34,33€/mês durante 24 meses ou prestações de 68,70€/mês durante 12 meses. A versão S20+ 5G pede uma entrada de 226€ e pode ser abatida em 36 mensalidades (25,11€/mês), 24 mensalidades (37,66€/mês) ou 12 mensalidades (75,37€/mês).

Finalmente a versão mais cara, S20 Ultra 5G, pode ser adquirida com uma entrada inicial de 276€ e depois paga em 36 vezes (30,66€/mês), 24 vezes (46€/mês) e 12 vezes (92,05€/mês).

Estranhamente, a Vodafone não deixa comprar os novos Samsung Galaxy S20 em prestações…

Na Vodafone, porém, o caso muda de figura. A operadora não deixa adquirir em prestações, mas sim usar os pontos do Clube Viva para abater no preço. Além disso, na loja online também não está disponível a variante S20+ 4G.

Assim, podem adquirir o S20 4G por 536,75€ + 4999 pontos, 641,25€ + 1699 pontos ou 889,90€ + 100 pontos, o S20+ 5G por 626,75€ + 4994 pontos, 740,75€ + 1994 pontos ou 1.089,90€ + 100 pontos, e o S20 Ultra 5G por 902,50€ + 4999 pontos, 1.078,25€ + 1999 pontos e 1.339,90€ + 100 pontos.

Comum a todas as operadoras é o facto de, nesta fase pré-reserva, oferecerem os Samsung Galaxy Buds+, avaliados em 169,90€.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Sigam-nos

10,237FãsGostar
4,048SeguidoresSeguir
507SeguidoresSeguir

Mais Recentes

Crítica – Bloodshot

Os poucos bons momentos de ação e um conceito cativante mal conseguem manter Bloodshot a respirar. É uma das piores obras do ano.

The Last of Us Part II é novamente adiado, desta vez por causa da COVID-19

Segundo a Naughty Dog, este adiamento será para garantir que todos possam tirar partido da experiência de jogo ao mesmo tempo.

Quarentine Film Festival desafia-nos a realizar uma curta-metragem através do smartphone

O Quarentine Film Festival surge de uma ideia do realizador Gonçalo Morais Leitão e visa estimular a criatividade de todos nós.

Lisbon Bar Show adiado para 2021

Estava previsto acontecer a 19 e 20 de maio, mas infelizmente não existem condições para a produção...

Análise – Control: The Foundation

The Foundation expande o mundo de Control com uma nova missão, novas áreas e habilidades, num pacote delicioso para os fãs que querem mais aventuras neste mundo e que procuram um desafio à altura das suas habilidades acumuladas durante o jogo original.
- Publicidade -