Sam Mendes leva-nos às trincheiras da Primeira Grande Guerra com “1917”

Depois de duas aventuras com James Bond, Sam Mendes, também responsável por Road to Perdition e American Beauty, tem nas suas mãos um drama épico passado durante a Primeira Grande Guerra.

Chama-se 1917 e o filme segue a jornada de dois soldados ao longo de vinte e quatro horas numa missão quase impossível de infiltração em território inimigo e de entregar uma mensagem com potencial de travar um ataque que poderá matar centenas de inimigos.

1917 recebeu agora o primeiro trailer onde conhecemos os heróis desta história, os dois soldados britânicos Schofield (George MacKay) e Blake (Dean-Charles Chapman), a quem lhes é entregue a difícil tarefa.

O trailer e o tom do filme parecem apanhar a boleia de outros épicos históricos inspirados em grandes conflitos mundiais, em particular o de Dunkirk, de Christopher Nolan, com um sentimento de urgência e muita tensão a fazerem parte da receita.

O filme conta ainda com Colin Firth, Benedict Cumberbatch, Richard Madden, Daniel Mays, Adrian Scarborough, Jamie Parker, Nabhaan Rizwan e Claire Duburcq no elenco principal.

1917 de Sam Mendes chega aos cinemas portugueses em janeiro do próximo ano.

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Sigam-nos

12,157FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
653SeguidoresSeguir

Relacionados

Bem Bom, filme sobre as Doce, adiado para 2021

Também Sombra, O som que desce da terra e Amadeo foram adiados para o próximo ano.

Crítica – Relic

Relic é um daqueles típicos filmes de horror que dividem críticos e audiências um pouco por todo o mundo.

Pokémon The Movie: Secrets of The Jungle ganha primeiro trailer dobrado em Inglês

Esperemos que o filme fique disponível por cá em meados do próximo ano.

Crítica – Come Play

Desde que não esperem um "filme de monstros" repleto com sustos previsíveis, recomenda-se em quem gosta do género.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Crítica – Gone Girl

Com um dos melhores argumentos e elencos da década respetiva, Gone Girl não podia ser mais chocante.

Crowdville. A plataforma que paga aos utilizadores por testarem apps e serviços online

Basicamente, estamos a ser pagos para que possamos dar a nossa opinião sobre algo.