Concertos dos Russian Circles cancelados em Portugal

- Publicidade - trk
- Publicidade -

Já era de esperar. Após a DGS ter recomendado a suspensão de eventos em espaços abertos com mais de 5000 pessoas, e de eventos à porta fechada com mais de 1000 participantes, a verdade é que os artistas/promotores de espetáculos/iniciativas com menos pessoas, como eram os casos dos concertos dos Russian Circles em Portugal, começaram a sofrer pressões para serem cancelados ou adiados.

E foi isso mesmo que aconteceu. Numa nota publicada no site da promotora Amplificasom, que até ontem tinha indicações de que o concerto iria realizar-se, a banda explica que tomou uma decisão difícil, mas que “têm de considerar as suas audiências e as pessoas que trabalham connosco nos espetáculos. Demos concertos com dedos partidos. Demos concertos com baldes para vómitos escondidos atrás dos amplificadores na altura em que os membros da banda estavam com gastrenterite. Demos concertos dias após alguns de nós terem sido operados. Demos concertos quando passámos por dificuldades físicas, emocionais ou financeiras, mas temos mesmo de abrir uma exceção desta vez”.

Os Russian Circles referem que tentarão reagendar os concertos da tour para mais tarde neste ano de 2020.

Para já, a palavra de ordem é mesmo “cancelamento”, pelo que, no mesmo site, a Amplificasom refere que as devoluções vão começar ainda hoje para quem comprou os bilhetes online (entrarão em contacto com os visados caso necessário). Amanhã, dia 12 de março, começam a ser devolvidos os montantes àqueles que adquiriram bilhetes nas lojas Hard Club, Louie Louie, Bunker Store e Piranha, no Porto, e na Glamorama e Flur, em Lisboa. Não se esqueçam, porém, de levar os bilhetes convosco.

Resta saber quanto mais espetáculos serão cancelados nas próximas horas. Ainda existem muitos que devem ficar sem efeito.

Entretanto, e são ficar a trabalhar a partir de casa, não deixem de passar os olhos por este nosso artigo.

Esta recente epidemia de COVID-19 foi detetada em dezembro, na China, e já provocou mais de 4 mil mortos. Cerca de 114 mil pessoas foram infetadas em mais de uma centena de países, e mais de 63 mil recuperaram.

Nos últimos dias, Itália tornou-se o caso mais grave de epidemia fora da China, pelo que o Governo português decidiu suspender todos os voos com destino ou origem nas zonas mais afetadas em Itália.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

- Publicidade -

Relacionados

Vem aí a primeira loja LEGO em Portugal

Abre já este ano no Centro Colombo.

Música – Álbuns essenciais (janeiro 2022)

A primeira seleção de 2022 está aí e já temos um forte candidato a álbum do ano!
- Publicidade -
- Publicidade - trk
- Publicidade -

Mais Recentes

Linha do Oeste vai ser finalmente modernizada

A capacitação da Linha do Oeste, até Caldas da Rainha, possibilitará a redução do tempo de viagem entre Caldas da Rainha – Lisboa e Torres Vedras – Lisboa em cerca de 30 minutos.

Stormzy fora do NOS Alive 2022. Horários já estão disponíveis

Está naquela altura de fazer escolhas.

Governo vai avançar com aeroportos no Montijo e em Alcochete. O de Lisboa é para fechar

O do Montijo, que será complementar, deverá estar pronto em 2026. Já o de Alcochete, que substituirá o de Lisboa, estima-se que entre em funcionamento em 2035.