O remake de Prince of Persia: The Sands of Time precisa de mais tempo

O jogo foi novamente adiado, desta vez para setembro.

Prince of Persia: The Sands of Time
- Publicidade -

As coisas não estão fáceis para as equipas da Ubisoft Pune e Ubisoft Mumbai, que estão a trabalhar no remake do aclamado e acarinhado Prince of Persia: The Sands of Time.

Depois de um atraso de janeiro passado para meados de março, a equipa de desenvolvimento voltou a adiar o lançamento do projeto para uma data mais tarde, a apontar para setembro.

Desta vez não foi dada uma data concreta, com a justificação do atraso a dever-se ao aperfeiçoamento e à promessa de entregar uma ótima experiência fiel ao original.

Lançado originalmente em 2003, este remake de Prince of Persia: The Sands of Time pretende preservar a história, mecânicas, jogabilidade e essência que definiram o jogo na altura. Está a ser desenhado a pensar na geração passada, para o PC, PlayStation 4 e Xbox One, mas será também compatível com a PlayStation 5 e Xbox Series X e Series S.

Fonte:Ubisoft
- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

Prince of Persia: The Sands of Time é novamente adiado

A nova data de lançamento será para 2022.

Cyberpunk 2077 prepara-se para receber o maior patch até à data

Estão prometidas centenas de melhorias.

Black Myth: Wukong recebe um incrível novo vídeo de jogabilidade

O novo vídeo vem celebrar o novo ano chinês.

Outriders atrasa-se para 2021, mas oferece atualização gratuita para a nova geração

O novo jogo de ação e sci-fi da People Can Fly falha o final do ano.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Pingo Doce chega pela primeira vez aos Açores

O sortido do espaço conta com muitos produtos regionais, fruto das parcerias feitas com 129 fornecedores dos Açores.

Continente abre primeira loja em Gouveia

Continua a expansão da marca da Sonae.

Lagoa dos Salgados será classificada como área protegida de âmbito nacional

Há 21 anos que, em Portugal, não era classificada nenhuma área protegida de interesse nacional.