Realidade Virtual: que impacto terá nas nossas vidas?

Nas últimas décadas, os avanços tecnológicos foram notáveis e as novas tecnologias estão bem presentes na nossa vida. Atualmente, já se começa a levantar um pouco do véu sobre a grande inovação que se avizinha: a Realidade Virtual (RV). Aos poucos já vamos interagindo com este novo modo de ver o mundo em áreas como o entretenimento ou nas redes sociais.

A qualidade e as funcionalidades dos dispositivos de RV estão a melhorar exponencialmente de ano para ano, abrindo um novo leque de possibilidades que, garantidamente, influenciarão as nossas vidas num futuro não muito longínquo. Mas em que áreas terá a RV maior impacto?

Gaming

No mundo do entretenimento esperam-se grandes mudanças com a chegada das tecnologias de realidade virtual, em particular no mundo do gaming. Quando este tema vem à baila, a maioria das pessoas pensam de imediato nos videojogos. Esta indústria, que movimenta milhões de euros, está em procura constante por novas formas de captar a atenção da sua audiência e, para tal, nada melhor que oferecer aos jogadores uma experiência na qual ficam imersos no ambiente do jogo.

À medida que os headsets se tornam cada vez menos obstrutivos e mais intuitivos, este tipo de experiência será cada vez mais comum. Porém, este novo mundo não se limita apenas aos jogos de VR “tradicionais”. Esta tecnologia pode beneficiar igualmente a indústria do jogo online ao trazer uma nova vida aos casinos online, uma vez que, atualmente, a experiência de jogar blackjack online é um tanto mecânica e sem emoção. Agora imaginem que tomam o vosso lugar num casino virtual e que jogam contra outros jogadores virtuais, sempre com dinheiro real envolvido… Bem melhor, certo? Este é apenas um exemplo do potencial que a RV têm ao trazer o mundo exterior para dentro da nossa casa.

Compras

O setor imobiliário foi um dos primeiros ramos de negócio a aproveitar as potencialidades da RV. Através de um headset de realidade virtual, os potenciais compradores podem visitar as propriedades sem perder horas do seu dia a agendar uma visita com o agente imobiliário.

Obviamente, não se espera que alguém compre uma casa sem a visitar fisicamente. Contudo, é possível tornar a experiência de procurar casa menos cansativa recorrendo à RV, eliminando, à partida, algumas propriedades que não sejam do agrado do comprador, visitando-as apenas virtualmente.

A conjugação das tecnologias de realidade virtual com o turismo é mais uma combinação com muito potencial. Permite, por exemplo, “visitar” locais exóticos ou experimentar hotéis no outro lado do mundo, evitando possíveis surpresas desagradáveis ainda antes de começarem com as vossas verdadeiras férias.

Educação

Muitos de nós já frequentámos aulas e cursos online, pelo que é apenas uma questão de tempo até este tipo de aulas se tornar comum. A RV é uma tecnologia que potenciará esta prática, permitindo que alunos de localidades remotas assistam a aulas e palestras que decorrem a milhares de quilómetros de distância.

As melhorias trazidas pela RV não se limitam aos aspetos práticos. Pensemos no caso de um aluno que tem a oportunidade de recuar no tempo e aprender as descobertas marítimas portuguesas no século XV de uma forma bem mais interativa. Imaginem a motivação adicional para aprender que este tipo de experiência poderá trazer.

Redes Sociais

Muitos de nós passamos imenso tempo no Facebook, Instagram, Twitter, Whatsapp, entre outras redes sociais. Já imaginaram que, de um momento para o outro, em vez de colocarem apenas um ‘gosto’ numa publicação de um amigo, podiam virtualmente visitar a praia magnífica onde ele esteve? Já pensaram que, com a RV, podem conversar “pessoalmente” com uma pessoa distante em vez de trocar mensagens?

Desporto e Fitness

Até aqui descrevemos um mundo onde toda a socialização é feita a partir do sofá, podendo levar a crer que a RV não contempla as áreas do desporto e do fitness. Isso é algo que não podia estar mais errado!

Muitos de nós já passámos longas horas no ginásio, exercitando-nos nas passadeiras ou nas bicicletas, num ambiente de profunda monotonia. Quão mais emocionante seria correr com os amigos ou fazer uma etapa do Tour de France fazendo uso das tecnologias de RV? E quando não for possível assistir a um evento desportivo ao vivo, que tal colocar o headset de RV e desfrutar de um jogo de ténis na primeira fila de Roland Garros? Já pensaram que, com a RV, poderiam ter assistido à final do Euro 2016 e sentir a atmosfera daquela noite inesquecível, como se estivessem sentados na bancada central do Stade de France?

Tudo isto é apenas o começo de uma nova realidade que terá impacto nas nossas vidas num futuro próximo. Os únicos limites são impostos pela nossa imaginação. O futuro virtual está a chegar, provavelmente mais rápido do que imagina.

1 Comentário

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Sigam-nos

10,843FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
632SeguidoresSeguir

Relacionados

A Playstation recebe realidade virtual a triplicar com novos jogos

Março e abril trazem novas experiências de realidade virtual até à PlayStation 4.

Centro Comercial Colombo já tem um palco dedicado à realidade virtual

O novo centro de VR está disponível através da plataforma da Hologate, localizada no Bowling City, no piso 2

Facebook Horizon quer ser o “Matrix” das Redes Sociais

O Facebook Horizon foi apresentado na conferência Oculus Connect 6 na Califórnia, durante esta semana, e já tem uma data de lançamento prevista para 2020.

No Man’s Sky abre as portas da realidade virtual com a nova expansão dia 14 de agosto

A Hello Games anunciou a data de lançamento da sua próxima expansão que, entre algumas novidades conhecidas...
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

ANACOM lança plataforma que permite saber onde existe melhor cobertura de rede móvel

Chama-se tem.REDE? e é uma iniciativa incluída no programa SIMPLEX.

Digimon Survive foi adiado para 2021

E não é a primeira vez que o futuro RPG é adiado.