fbpx

Projeto Saúde Agora diminui a distância entre a população idosa

A Santa Casa da Misericórdia do Porto e a Fundação Vodafone apresentaram hoje o Saúde Agora, um projeto que irá permitir diminuir a distância entre a população idosa e melhorar os serviços de apoio domiciliário recorrendo à tecnologia, potenciando um envelhecimento mais autónomo e seguro.

Através do desenvolvimento de uma plataforma de gestão de IoT (Internet of Things), as casas dos pacientes serão dotadas de inteligência com capacidade para recolher dados, interpretar padrões, alertar e comunicar. Desta forma, será possível promover o controlo de doenças crónicas, prevenir e monitorizar doenças, disponibilizar cuidados, apoio social, atividades de lazer e entretenimento, entre outros.

Para António Tavares, Provedor da Santa Casa da Misericórdia do Porto, “O projeto “Saúde Agora” vai promover a transformação digital social. Trata-se de um produto de proximidade, desenhado para dar resposta às atuais necessidades das famílias. A Santa Casa da Misericórdia do Porto é, assim, a primeira instituição a promover cuidados de saúde, de forma integrada, ao domicílio. Através de uma plataforma inovadora, os seus utilizadores terão acesso a novas aplicações preparadas para responder aos reais problemas da comunidade na área da Saúde. Vivemos uma nova geração de serviços de apoio ao utente no âmbito do envelhecimento ativo. Este é um produto de futuro e a Santa Casa da Misericórdia do Porto já está no futuro.”

Este projeto irá permitir a monitorização remota das condições de saúde em tempo real, diminuir a distância entre a população idosa e as novas tecnologias, e ainda prevenir doenças e sua deteção precoce, através da identificação automática de disfunções e emissão de alertas.

- Publicidade -

Afiliados

Sigam-nos

10,780FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
629SeguidoresSeguir

Media Partner

Relacionados

Fundação Vodafone adaptou app Praia em Directo devido à COVID-19

O Programa Praia Saudável tem como objetivo contribuir para o aumento da segurança nas praias, para a defesa e melhoria da qualidade do seu ambiente, assim como das acessibilidades.

Lares de idosos. Visitas são retomadas a partir de 18 de maio

Será preciso respeitar uma série de requisitos gerais e específicos para que estas visitas aos lares de idosos possam acontecer.

COmVIDas. Projeto pretende unir quem precisa de ajuda a quem quer (e pode) ajudar

Numa altura em que se desconhecem ainda a duração e as verdadeiras consequências e danos do novo...
- Publicidade -

Mais Recentes

6.ª temporada de Supergirl vai ser a última

Os novos episódios deveriam estrear este ano, mas a pandemia obrigou a um adiamento para 2021.

Crítica – Enola Holmes

Enola Holmes oferece uma agradável e refrescante visão de uma franchise que pode ter ganho um novo futuro.