A Electronic Arts vai deixar de produzir jogos da franquia Project CARS

- Publicidade -

A produtora vai canalizar os recursos e as equipas para outros projetos.

Project CARS foi o resultado de uma das maiores campanhas de crowdfunding de um videojogo, lançada pela Slighty Mad Studios, antes desta ser adquirida pela Electronic Arts.

Com três jogos lançados, Project CARS tinha uma ambição: tornar-se num jogo de corridas com elementos de simulação que o colocassem à altura de um Forza Motorsport ou de um Gran Turismo. Agora, com uma equipa maior e ao abrigo da Electronic Arts, Project CARS chega ao fim.

De acordo com a GamesIndustry.biz, a Electronic Arts anunciou internamente o cessar do desenvolvimento da franquia, após uma análise dos vários produtos do género em desenvolvimento. De lembrar que, atualmente, a Electronic Arts detêm alguns dos maiores IPs de jogos de corrida, incluindo DiRT, GRID e Need For Speed.

A mesma fonte refere que o desenvolvimento de novos jogos da franquia não é viável a longo prazo e que, apesar da decisão, os membros das equipas envolvidas com Project CARS serão transferidos para novos postos apropriados.

Já segundo a Insider-Gaming, outra franquia que poderá terminar é DiRT, que atualmente tinha duas sub-franquias: a Rally, dedicada à simulação, e a série numerada, mais divertida e focada no árcade. A acontecer, não será de espantar, uma vez que serão a Codemasters e a Electronic Arts as próximas responsáveis por futuros jogos licenciados do Mundial de Rally, o WRC.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Relacionados

- Publicidade -

Mais recentes