fbpx

Pro Evolution Soccer 2019: Já jogámos e temos novidades para contar

Está quase a chegar mais uma edição de Pro Evolution Soccer, aquele que é, para muitos, o melhor simulador de futebol do mercado. A edição 2019 pode estar ainda a um mês de distância, mas nós já tivemos a oportunidade de experimentar PES 2019 num evento que teve lugar na passada segunda-feira, em Lisboa, no âmbito da press tour da Konami, e que, este ano, teve direito a uma passagem por Portugal.

Novidades à Portuguesa

A passagem dessa press tour pelo nosso país era obrigatória. A razão é, também, uma das grandes novidades para a edição deste ano. A Liga NOS está totalmente licenciada em PES 2019, o que significa que acabaram-se nomes como Bresigne (Braga), Verfolcao (Vitória de Setúbal) ou Meraszilho (Moreirense). Este ano, a Primeira Liga Portuguesa de Futebol não trará nomes inventados, o que também é um alívio para as comunidades que não precisam de investir tempo e recursos a criarem os tradicionais mods.

PES 2019 vai também trazer uma novidade para os fãs sportinguistas. Numa parceria firmada entre a Konami e o Sporting Clube de Portugal, o jogo vai conter uma recriação virtual do Estádio José Alvalade, desenhada ao pormenor. Infelizmente não há qualquer informação se haverá outros estádios nacionais recriados com o mesmo nível de detalhe.

Com a Liga NOS totalmente licenciada, há espaço para a Konami tentar recriar fielmente as faces dos jogadores mais importantes de cada liga, algo que sempre foi um dos pontos fortes de PES. Neste caso, foram-nos mostradas durante a apresentação as faces de jogadores de topo da Liga Portuguesa, como Jonas ou Brahimi. No entanto, e apesar dos esforços, ainda não nos convenceram totalmente. Contudo, foi-nos também dito que, até à data de lançamento do jogo, as faces dos jogadores ainda iriam ter muito tratamento, pelo que aguardamos pelo resultado final.

Com a perda do licenciamento da Liga dos Campeões, a equipa da Konami resolveu focar-se em ligas locais. Ou seja, além da LIGA NOS, também as ligas principais da Bélgica, Escócia, Suíça, Dinamarca, Rússia – a liga é exclusiva de PES 2019 – e Argentina estarão licenciadas na nova versão. Por aqui percebe-se que este será jogo terá mais licenças oficiais do que em versões anteriores, porém, com a exclusão das ligas inglesa, espanhola e italiana, dá a sensação que o foco foi em equipas de menor dimensão.

Apesar de todas as novidades convidativas, o jogo, na versão que testámos, não nos convenceu na totalidade, havendo tanto coisas muito boas como outras que nos fizeram torcer o nariz.

Algo que nos deixou contentes foi a interface dos menus, que se apresenta bem mais clean e simplista do que, por exemplo na última versão do jogo. Ainda que seja fácil perdermo-nos nos menus, as opções parecem estar mais acessíveis e com uma leitura bem mais agradável.

A jogabilidade mantém-se pura e muito cerebral

Já na jogabilidade, PES 2019 chuta de novo para golo. A jogabilidade mantém-se pura como a série nos habituou e com um estilo de jogo altamente cerebral. É novamente um simulador que pretende dar ao jogador várias hipóteses enquanto tem a bola a seus pés, ao invés de ser o típico correr em direção à baliza e esperar que a bola entre.

Como seria de esperar, a jogabilidade está ainda mais refinada, em particular no controlo de bola ao primeiro toque, nos dribles e nas mecânicas de remate. Mais uma vez, a dificuldade de jogos e de controlo de bola está intrinsecamente ligada às habilidades e estatuto de cada jogador, isto é, será cada vez mais fácil realizar determinado movimento com um jogador com bons atributos do que com um jogador que joga numa equipa que luta para não descer de divisão.

Já os guarda-redes também apresentam melhorias, especialmente na variedade de animações de defesa mais naturais, porém, sem se tornarem implacáveis. Num dos jogos que efetuámos, aquando da marcação de um livre direto, fomos brindados com um belo frango do guarda-redes. Dá sempre para soltar umas gargalhadas.

No que toca às colisões e à inteligência artificial, notámos que são partes do jogo que ainda necessitam de ser refinadas, uma vez que várias foram as vezes em que os jogadores ficaram parados enquanto a bola passava por eles.

A nível gráfico, mais do que os próprios jogadores, há que salientar o bom trabalho realizado a nível de sombras e iluminação, muito por culpa do software Enlighten. Claro, os corpos dos próprios jogadores, o público que assiste aos jogos, tudo isso foi melhorado. É o Fox Engine puxado ao limite naquela que deverá ser a última versão com este motor de jogo.

Algo que também destacaram durante a apresentação foram as substituições rápidas, que servem mais para não quebrar o ritmo do jogo, e a fadiga visual, em que o jogo, via animação, nos mostra o atual estado físico de um jogador. Conseguimos aperceber-nos disso num dos nossos jogos, em que surgiu um aviso de que o jogador estava cansado e, já no segundo aviso, o jogador não teve outro remédio senão deitar-se na relva a pedir substituição. Uma excelente adição que poderá, até, definir o desfecho de algumas partidas.

Quanto ao MyClub, não o conseguimos testar, mas haverá grandes novidades a anunciar muito em breve.

Vem com várias edições e terá uma demo em breve

Como seria de esperar, PES 2019 vai ter várias edições especiais, que serão diferentes para cada país, uma vez que PES tem vindo a desenvolver parcerias exclusivas com clubes como Barcelona ou Inter de Milão, o que lhes permite recriar as equipas com ainda mais pormenor.

De destacar é mesmo a edição PES 2019 David Beckham, onde conseguiremos jogar com ex-estrelas do mundo do futebol, como Maradona, Ronaldinho Gaúcho, Romário ou Figo, marcando a representação portuguesa neste PES 2019.

E em breve, também o resto do mundo poderá experimentar PES 2019, que terá uma demo disponível já no próximo dia 8 de agosto para PS4, Xbox One e PC (Steam). No caso do PC, estes são os requisitos mínimos e os recomendados:

PES 2019 chega à PlayStation 4, Xbox One e PC (Steam) a 30 de agosto. Quanto a uma edição para Switch, para já não está nada previsto nesse sentido.


 

- Publicidade -

Afiliados

Sigam-nos

10,793FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
631SeguidoresSeguir

Media Partner

Relacionados

Empresas podem agora anunciar em jogos de futebol a partir de 500€

Alguns estádios de futebol já aderiram a esta tecnologia da STADS.

Oficial: Fase final da Liga dos Campeões 2020 vai acontecer em Lisboa

Após muitos rumores, confirma-se: os quartos de final, meias-finais e final da Champions League irão realizar-se na capital lisboeta.

Amazon vai transmitir gratuitamente alguns jogos da Premier League no Reino Unido

Os direitos televisivos são sempre uma questão que envolve muito dinheiro. Especialmente se falarmos de jogos de futebol.

Antevisão – The Last of Us Part II

Já conhecem os vídeos, mas como é jogar The Last of Us Part II?
- Publicidade -

Mais Recentes

Super Smash Bros. Ultimate recebe personagens de Minecraft

Steve, Alex e Enderman serão personagens jogáveis no jogo de luta da Nintendo.

Super Bock Sem Glúten? Sim, existe

É a primeira cerveja nacional aprovada pela Associação Portuguesa de Celíacos.