Como seriam Porto e Lisboa daqui a 57 anos? Cyberpunk 2077 dá a resposta

Spoiler: Nada bonitas.

Porto e Lisboa - Cyberpunk 2077
- Publicidade -

Cyberpunk 2077 chegou finalmente ao PC e consolas para nos mostrar um mundo futurista consumido pela tecnologia, poluição e ganância das megacorporações que dominam tudo e todos.

Com Night City no centro das atenções, a CD Projekt Red e a Bandai, de modo a promoverem o seu novo jogo, olharam também para outras cidades e capitais do mundo, reimaginando como é que se apresentariam daqui a 57 anos, onde se encontram Porto e Lisboa.

Podemos dizer que as duas cidades não envelheceram muito bem, com o Terreiro do Paço a dar lugar a um espaço de tendas e barracas, e o Porto com uma linha no horizonte poluída de arranha-céus.

Contudo, há um certo encanto com as cores e os neons que brilham ao longe, mas que revelam um mundo absorvido pelo consumismo contrastado com a pobreza.

Night City não é muito diferente mas é, para já, um cenário fictício, onde podemos ser quem nós quisermos e que já pode ser explorada no PC, PlayStation 4 e Xbox One, em Cyberpunk 2077.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

Lisboa mantém testes gratuitos à Covid-19 até final do ano

O plano municipal de testagem, previsto até final de outubro, foi prolongado pelo novo executivo até final do ano.

Lisboa considerada a Cidade Mais Desejada a Curta Distância

Um prémio que ganha especial relevância nesta fase pós pandemia.

Porto recebe aquele que será o mais curioso festival dedicado à cerveja artesanal

E há workshops gratuitos mediante reserva antecipada.

Cyberpunk 2077 e The Witcher 3 na nova geração em 2022

A promessa das atualizações para as novas consolas estava prometida para este ano.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Vodafone disponibiliza 5G a título experimental a todos os clientes

A todos os clientes e em todos os tarifários, importa salientar.

Cinco empresas já têm licença para explorar o 5G em Portugal

Só falta a MEO, que ainda não fez o pagamento.

Passageiros de voos internacionais terão de apresentar um teste negativo no momento do embarque (além do certificado digital) para Portugal

Se este teste não for apresentado, o passageiro pode não embarcar e as companhias áreas ficam sujeitas a coimas.