Philips apresenta a LiFi, tecnologia que fornece acesso à Internet através da luz

A Philips acaba de disponibilizar a Light Fidelity (LiFi), uma tecnologia na qual a iluminação LED de alta qualidade proporciona uma ligação à Internet de banda larga através das ondas de luz. Sendo a empresa de iluminação da Internet das Coisas (IoT), a Philips Lighting é a primeira empresa global de iluminação a disponibilizar luminárias preparadas para a LiFi no seu atual portefólio de luminárias de escritório.

- Publicidade -

A LiFi é uma tecnologia sem fios bidirecional e de alta velocidade semelhante ao WiFi, mas que utiliza as ondas de luz em vez das de rádio para transmitir dados. As luminárias de escritório da Philips Lighting, dotadas da tecnologia LiFi, garantem uma ligação de banda larga à velocidade de 30Mb por segundo (Mb/s) sem comprometerem a qualidade da iluminação. A 30 Mb/s, os utilizadores podem transmitir vários vídeos com qualidade HD em simultâneo e durante as suas videoconferências.

A LiFi tem vantagens em relação ao WiFi, uma vez que pode ser usada em locais nos quais as radiofrequências podem interferir com o equipamento, como os hospitais, ou onde os sinais WiFi não tenham alcance ou potência suficientes, como no subsolo. A LiFi acrescenta ainda uma camada adicional de segurança, uma vez que a luz não pode atravessar paredes sólidas e deverá estar sempre na linha de visão para se poder aceder à rede.

Como é que a LiFi funciona?

Todas as luminárias estão equipadas com um modem integrado que modula a luz a velocidades impercetíveis ao olho humano. A luz é detetada por uma chave/dongle USB de LiFi, ligada à tomada ou porta de um computador portátil ou tablet (esta tecnologia deverá vir a estar incorporada nos computadores portáteis e demais dispositivos). O dongle USB (ou chave anticópia) de LiFi passa os dados à luminária através de uma ligação de infravermelhos. Graças às luminárias Philips preparadas para a LiFi, os clientes beneficiam da dupla vantagem de terem uma boa luz LED energeticamente eficiente e uma ligação altamente segura, estável e robusta, uma vez que a LiFi possui um espetro 10 000 vezes maior que o do WiFi.

A Philips é também pioneira na disponibilização de passagens ininterruptas entre pontos de luz, o que significa que, quando os utilizadores se deslocam de um lado de um grande escritório para outro, nunca perdem a sua ligação, uma vez que a transição entre pontos de luz se faz de modo contínuo.

A Philips Lighting dispõe das luminárias de iluminação descendente Philips PowerBalance gen2 e Philips LuxSpace, ambas preparadas para a LiFi.

A Icade, uma empresa francesa de investimento imobiliário, está a conduzir um programa piloto desta tecnologia inovadora no seu escritório inteligente no La Defense, em Paris. Resta esperar pelos resultados deste exercício. Mas uma coisa é certa: isto promete.


- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

Yorn oferece 50GB de Internet por mês em junho, julho e agosto

Sim, são mesmo 50GB por mês, para gastar em cada um dos meses.

Starlink, a Internet via satélite da SpaceX, quer ter 16 mil utilizadores portugueses até final do ano

Os satélites colocados em órbita já cobrem 100% do território nacional. Até ao final de junho, a Starlink estará disponível para os portugueses.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

As formas com que os burlões enganam clientes na Booking

O objetivo final é roubar o dinheiro dos utilizadores. Explicamos esta burla ao pormenor.

Já sabemos onde a Croissant da Vila vai abrir mais uma loja em Lisboa

Até ao final do ano, a marca quer abrir mais seis lojas no centro da capital.

Dopesick ganha data de estreia no Disney+

E não falta assim tanto.