Pavilhão 3 da Cidade Universitária reabre enquanto centro de vacinação

Com capacidade para administrar cerca de 1.200 doses diárias.

- Publicidade -

Face à “evolução da pandemia” em Lisboa, “é cada vez mais importante darmos força a duas linhas de atuação: aumentar a testagem, e Lisboa tem o programa mais ambicioso e vasto de testagem do país, e acelerar a vacinação”. Foi o que disse o presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Fernando Medina, na reabertura do Pavilhão 3 da Cidade Universitária enquanto centro de vacinação.

Operacionalizado “por um grupo de militares da área da saúde, onde se incluem médicos e enfermeiros”, o centro terá “capacidade para administrar cerca de 1 200 doses diárias”. A disponibilidade do espaço pode consultada em tempo real no portal Sala Aberta.

Já dia 1 de julho, o Pavilhão da Ajuda, em Alcântara, vai receber um novo centro, a funcionar no regime “sem marcação”, entre as 19h e as 21h, para os utentes de todos os agrupamentos de centros de saúde da cidade, nas idades que estejam já contempladas no plano.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Domino’s Pizza abre segunda loja em Braga

É a 40ª loja da marca em Portugal.

Última temporada de The Walking Dead vai ser dividida em três partes

A série principal terminará algures em 2022.