Qual o impacto do novo coronavírus nos hábitos de consumo dos portugueses?

Não é preciso pensar muito para percebermos que, nas últimas semanas, a economia e sociedade no geral ficaram fortemente afetadas devido ao novo coronavírus. No entanto, pode-se dizer que há dois setores que notaram uma evolução tremenda: o dos supermercados e o das farmácias.

- Publicidade -

Quem o diz é a SIBS, que divulgou um conjunto de indicadores de evolução de consumo relativos às últimas semanas.

De forma resumida, nas últimas semanas, desde a confirmação de casos de coronavírus em Portugal, verifica-se uma concentração de compras em Super & Hipermercados e Farmácias & Parafarmácias, setores que passaram a representar uma em cada duas compras em Portugal na última semana. Analisando o número de levantamentos e de compras processados pela SIBS, evidencia-se um abrandamento na frequência nestas operações na última semana.

Destaca-se, claro, a utilização crescente do MB WAY para as compras, uma vez que permite pagamentos “sem contacto”.

coronavírus

Como podem verificar na infografia aqui em cima, e com base nos dados do SIBS Analytics, existiu um aumento de 6 pontos no número de compras realizadas no Multibanco na semana compreendida entre 2-8 março, semana seguinte à primeira confirmação da existência de casos em Portugal, e uma redução de 1 ponto na ultima semana (compreendida entre 9-15 de março). O valor médio das compras efetuadas regista um crescimento na última semana de 34,7€ para 37,4€.

Verifica-se, assim, uma concentração de compras na última semana nos setores Super & Hipermercados e Farmácias & Parafarmácias, de 39,4% para 49%, representando um aumento de 10% na última semana.

Adicionalmente, verificou-se um aumento da utilização em compras do MB WAY em ambas as semanas, de 17 pontos na semana de 2-8 março e 11 pontos na semana de 9-15 março, confirmando-se cada vez mais como uma solução nesta altura crítica.

O número de levantamentos nos terminais Multibanco teve uma variação similar, com um crescimento de 8 pontos na semana de 2-8 de março e uma diminuição de 3 pontos na semana de 9-15 março. O valor médio dos levantamentos subiu dos 67,8€ para os 74,8€.

Os dados apresentados refletem um decréscimo das compras dos portugueses no estrangeiro, uma redução de 33 pontos na semana de 9-15 março.

Fonte:SIBS
- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Sigam-nos

12,770FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
656SeguidoresSeguir

Relacionados

Há um novo Centro de Rastreio Móvel COVID-19 em Faro

Permite realizar testes de diagnóstico PCR à COVID-19 de forma ágil, confortável e segura, sem necessidade de sair do carro.

Promotoras vão falar com o Governo para tornar viável a realização de festivais e eventos de música

Numa altura em que a COVID-19 não dá tréguas, milhares de postos de trabalhos relacionados com a cultura estão em risco.

DGS esclarece questão da ventilação e arejamento dos espaços nas escolas

Várias têm sido as queixas dos encarregados de educação devido às baixas temperaturas que se têm feito sentir nos últimos dias.

Proibição de circulação entre concelhos em vigor já este fim-de-semana

Somente 25 concelhos do país ficam fora das restrições.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Já podem pedir brinquedos eróticos a partir da Glovo

Para que não vos falte nada durante o confinamento.

LG vai desistir do mercado de smartphones já este ano?

Um memorando interno a circular entre os funcionários pode indicar uma mudança de direção na estratégia da tecnológica.