fbpx

A NVIDIA apresentou uma nova geração de placas gráficas. E vai ser bem cara

Se estão a pensar montar um computador, ou atualizar o que já têm, a tecnologia mais avançada que podem colocar na vossa máquina está já aí, ao virar da esquina, mas vem com um preço. E é bem elevado.

A NVIDIA anunciou a próxima geração das suas placas gráficas que, para além de prometerem um desempenho seis vezes superior às da geração atual, incluem uma tecnologia que é considerada o “cálice sagrado” da produção de gráficos em tempo real, o Ray-Tracing.

As novas gráficas da série RTX 2000, de onde se destaca a GeForce RTX 2080, são baseadas na mais recente arquitetura da NVIDIA, a Turing, que oferece um novo modelo de computação com recursos de inteligência artificial e deep-learning.

Na prática, estas novas tecnologias farão com que os futuros jogos estejam preparados para suportar o Ray Tracing, apresentando, por exemplo, visuais muito mais realistas, onde as sombras dos objetos são mais suaves e o contacto de corpos e objetos é mais realista. Porém, o grande foco será a iluminação e a reflexão de imagens nas superfícies, que serão apresentadas da mesma forma como vemos o mundo.

Isto é possível através da projeção de milhões de linhas a partir de uma fonte de luz em direção a um objeto, simulando o comportamento da luz no mundo real.

Já as capacidades de deep-learning poderão analisar as imagens que são produzidas e aplicar efeitos de suavidade extra entre arestas ou aprimorar a qualidade geral dos visuais.

No fundo, a linha que separa os filmes de animação e os videojogos pode estar prestes a ser quebrada.

Claro, com todas estas novidades há também sacrifícios. Para já, ainda não se conhece na prática como é que estas placas gráficas se vão comportar com algumas destas funções ativas, mas, provavelmente, o maior de todos os sacrifícios será para os utilizadores, que vão ver as suas contas bancárias a irem ao fundo.

A Nvidia anunciou três modelos que serão lançados, nas suas versões Founders Edition, a partir do dia 20 de setembro.

A RTX 2070, com velocidade de 1410MHz, 2304 núcleos CUDA e 8GB de memória GDDR6, por 599 USD (aprox. 520€); a RTX 2080 com velocidade 1515MHz, 2944 núcleos CUDA e 8GB de memória GDDR6, por 799 USD (aprox. 695€); e a RTX 2080 Ti com velocidade de 1350MHz, 4352 núcleos CUDA e 11GB de memória GDDR6, por 1199 USD (aprox. 1043€).

Em breve irão surgir novos modelos de marcas confirmadas como a ASUS, EVGA, Gigabyte e MSI, sendo que, neste caso, é bem provável que apareçam com preços e configurações diferentes.


 

- Publicidade -

Afiliados

Sigam-nos

10,788FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
631SeguidoresSeguir

Media Partner

Relacionados

Arrefece o teu PC com os novos coolers luminosos da Corsair

As novas apostas de arrefecimento a liquido da Corsair trazem todas as cores às vossas torres.

O Xbox Game Pass para PC vai ficar um pouco mais caro

O período de incentivo termina este mês.
- Publicidade -

Mais Recentes