Nova Central Fotovoltaica da Quinta do Anjo vai custar 35 milhões de euros

Entra em construção ainda este ano e estará operacional em 2022.

- Publicidade -

A NextEnergy Capital, empresa de gestão de investimentos e ativos no setor das energias renováveis, vai investir 35 milhões de euros, através do fundo NextPower III, na construção da Central Fotovoltaica da Quinta do Anjo, no concelho de Palmela.

O projeto foi divulgado nesta quarta-feira, através do lançamento da primeira pedra no terreno onde será construída a futura central.

Os trabalhos de construção, cujo arranque está previsto ainda para este ano, contemplam a instalação de 90.076 painéis solares, com uma potência instalada de 40,5 MWp, que ocuparão cerca de 45 hectares de área. Com o início da operação previsto para 2022, a central terá uma capacidade de produção anual de 71.3 GWh de energia elétrica, que permitirá abastecer mais de 21 mil habitações e evitar a emissão de 18.660 toneladas de CO2 por ano.

Com o investimento na central fotovoltaica da Quinta do Anjo, o fundo NextPower III aumenta os seus ativos solares operacionais e alcança um total de 394 MWp de capacidade instalada. O projeto está a ser desenvolvido pela Frequent Summer, empresa de engenharia e licenciamento de projetos de energias renováveis com um track record de 400 MW em Portugal.

Esta é a terceira operação da empresa em Portugal, depois de ter investido 18 milhões de euros na aquisição da Central Fotovoltaica de Paderne, no Algarve, em outubro do ano passado.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

Trotinetes da Bolt vão chegar a Palmela, Pinhal Novo e Quinta do Anjo

Uma novidade que vem promover a Semana Europeia da Mobilidade 2021, que decorrerá de 16 a 22 de setembro.

Palmela recebe 1.ª Mostra Gastronómica Literária em setembro

Três dias com opções que trazem para a mesa todo o imaginário literário.

Palmela vai ter um espaço de produção de conteúdos audiovisuais à escala internacional

O investimento é, só na primeira fase, de 175 milhões de euros.

Setúbal, Palmela e Sesimbra vão ter perto de 300 postos de carregamento para veículos elétricos

É o que prevê o Plano de Mobilidade Elétrica da Arrábida para os próximos 10 anos.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Festival de Francesinhas chega ao Seixal pela primeira vez

De carro, de barco, de comboio, de bicicleta... Todos os caminhos vão dar ao Seixal entre os dias 4 e 14 de novembro.

Governo vai reduzir o imposto sobre os combustíveis

E vai também fazer uma monitorização permanente da evolução dos preços.

Passatempo O Último Duelo – Temos 10 convites duplos para as antestreias em Lisboa e Matosinhos

O Último Duelo chega aos cinemas nacionais a 28 de outubro.