Nespresso tem quatro novos cafés da gama Reviving Origins para experimentar

- Publicidade -

E um deles é o primeiro café biológico deste programa.

Por esta altura, fãs da Nespresso e não só decerto que já ouviram falar do Reviving Origins, programa que começou há uns anos e que restaura a produção de café em regiões afetadas por adversidades como conflitos, dificuldades económicas e desastres ambientais, permitindo que os pequenos produtores possam ter uma vida mais digna.

E como outros dos objetivos é fazer chegar novos blends aos clientes, eis que surgem agora quatro novos cafés para experimentar.

São eles:

  • AMAHA awe UGANDA – Café espresso rico e limpo. Tem um caráter selvagem que traz notas de sândalo, difíceis de encontrar, e elegantes aromas florais. Intensidade 8;
  • Kahawa ya Congo – É o primeiro café biológico da Nespresso. Conta com as suas notas frutadas e aromas a cereais torrados e frutos secos. Intensidade 7;
  • TAMUKA mu ZIMBABWE – Seduz pela sua complexidade frutada e de acidez leve e picante. Poderão sentir as notas a arandos ou frutos vermelhos, ou groselha e uva. Intensidade 5;
  • ESPERANZA de COLOMBIA – Um café suave, leve em acidez. É perfeitamente equilibrado e encorpado, com aromas de frutas tropicais e um toque de notas a cereais. Intensidade 5.

Tal como o nome indica, cada um destes cafés é proveniente de uma região diferente, com a respetiva torrefação a variar de blend para blend.

E como são cafés especiais, também o preço é mais elevado, mas a qualidade assim o exige. Cada cápsula custa 0,59€, sendo que têm sempre de adquirir um mínimo de 10 cápsulas (uma caixa) por encomenda, ficando, neste caso, uma compra com um valor mínimo de 5,90€.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Relacionados

- Publicidade -

Mais recentes