Nespresso lança câmara fotográfica analógica feita com alumínio reciclado

- Publicidade -

No Dia Internacional da Reciclagem, que aconteceu no dia 18 de maio, a Nespresso revelou que em menos de dois anos aumentou em 50% a sua taxa de reciclagem em Portugal, atualmente nos 15%, e apresenta um projeto inovador feito com alumínio 100% reciclado, no âmbito da segunda vida das cápsulas usadas.

Os valores agora alcançados são resultado da estratégia de reciclagem da marca em Portugal, que representa um investimento de aproximadamente meio milhão de euros por ano, e que está assentes em três eixos de atuação “Facilitar a reciclagem“, “dar uma segunda vida às cápsulas usadas” e “Consciencializar para a reciclagem do alumínio“.

A estratégia de reciclagem insere-se no âmbito do projeto de sustentabilidade mundial da marca, The Positive Cup, e prevê que a taxa de reciclagem em Portugal atinja os 25% até 2020. A este objetivo juntam-se os compromissos assumidos mundialmente e que passam por alcançar 100% de capacidade de recolha de cápsulas usadas e garantir que 100% do alumínio usado nas cápsulas Nespresso seja gerido de forma sustentável.

A ambição da Nespresso vai mais além da reciclagem e pretende retribuir e acrescentar valor à sociedade, ao dar uma segunda vida à capsula de café usada. No processo de reciclagem das cápsulas de café há dois resíduos envolvidos: a borra de café e o alumínio da cápsula, que são reutilizados ganhando cada um deles uma “segunda vida”.

Nespresso ECOCAMERA

Depois da “segunda vida” da borra do café, a Nespresso dá uma “segunda vida” à capsula de alumínio e lança um projeto disruptivo, 100% português. Da segunda vida do alumínio nasce a ECOCAMERA, uma câmara fotográfica “pinhole”, 100% analógica, feita com alumínio 100% reciclado.

Para alavancar os objetivos de reciclagem, a Nespresso acabou de implementar um serviço de reciclagem para os clientes profissionais, com soluções desenhadas à medida de cada negócio – escritórios, hotéis ou restaurantes – e de acordo com as suas necessidades e dimensão.

Para os consumidores, a marca disponibiliza mais de 200 pontos para reciclagem espalhados pelo país, incluindo as 22 Boutiques Nespresso e os muitos Pontos de Venda Parceiros, onde os clientes podem entregar as suas cápsulas usadas para reciclagem, além do Recycling@home, lançado em 2016, que permite recolher as cápsulas usadas com maior conveniência e comodidade, no momento da entrega de nova encomenda, sem custos adicionais.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

- Publicidade -

Relacionados

Nespresso lança cinco novas edições da gama sazonal Reviving Origins

O programa Reviving Origins da Nespresso visa restaurar a produção de café em regiões afetadas por adversidades como conflitos, dificuldades económicas e desastres ambientais.

Chegou a coleção de verão 2022 da Nespresso

Temos aqui uma homenagem à caipirinha, a bebida mais popular do Brasil.

Vertuo. Nespresso lança novo sistema que permite beber café em cinco formatos diferentes

Por outras palavras, as cápsulas têm diferentes tamanhos e variam consoante o que se quer beber.

Aged Sumatra e Papua New Guinea são as novas adições à gama Master Origins da Nespresso

Linha reúne propostas de origens únicas, que resultam de técnicas de produção específicas de cada região.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Iberdola coloca em funcionamento, no distrito de Setúbal, a sua primeira central fotovoltaica em Portugal

A Algeruz II produzirá energia limpa suficiente para abastecer mais de 11.000 casas e evitar a emissão de 13.400 toneladas de CO2 por ano.