Não, não é obrigatório usar capacetes nas bicicletas e trotinetes. Mas recomenda-se

É um assunto que tem gerado polémica. Afinal, é ou não obrigatório usar um capacete para andar nas bicicletas ou trotinetes das plataformas que têm surgido em Lisboa?

- Publicidade -

Não, não é obrigatório. Pelo menos é o que diz um parecer técnico emitido pela Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR). Contudo, recomenda-se vivamente a utilização de capacetes caso aconteça algum percalço durante o percurso.

Na instrução técnica emitida pela ANSR, a entidade refere-se a velocípedes com motor auxiliar elétrico de até 0,25 Kw, cuja alimentação é interrompido quando é atingida a velocidade de 25 km/h. Abrangidas estão também as trotinetes com motor elétrico.

Após a polémica relacionada com este acessório de segurança, fica assim definido que o capacete não é obrigatório na condução destes veículos, mesmo após terem surgido relatos de utilizadores que foram multados pela PSP por terem violado a lei. Aliás, José Miguel Trigoso, presidente da Prevenção Rodoviária Portuguesa, chegou a garantir que era obrigatório usar capacete nestas situações.

Mas não é o caso. Contudo, a cautela nunca atrapalhou ninguém e o melhor mesmo é andarem com um capacete atrás. Afinal de contas, as próprias plataformas recomendam o seu uso, portanto, porque não seguir as indicações?


 

- Publicidade -

4 Comentários

  1. O que a lei refere quanto à potência do motor e à velocidade máxima é apenas e tão somente para diferenciar os tipos de veículo e não para diferenciar a obrigatóriedade do capacete !
    Portanto, continua a ser obrigatório o uso do capacate ou a Câmara Municipal de Lisboa ou EMEL têm mais razão do que a lei ?
    Sejam honestos e saibam responder que é uma questão de loobies. A ANSR veio defender as empresas privadas, infringindo a lei. Quanto às multas já passadas, temos pena. Se a PSP continuar a cumprir com a lei, que é multar, os utilizadores vão ter de continuar a pagá-las porque o que a EMEL ou a Câmara dizem é letra morta perante a lei.

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Sigam-nos

12,987FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
785SeguidoresSeguir

Parceiros

Relacionados

As trotinetes da Bolt chegaram a Braga

Depois de Lisboa, há mais uma cidade portuguesa a contar com estes veículos da Bolt.

Primeiro BiciPark da EMEL para estacionamento de bicicletas inaugurado no Lumiar

Tem 22 lugares para bicicletas convencionais e dois lugares para bicicletas de carga (cargo bikes). O primeiro dos 13 estacionamentos...

Pontos de carregamento de veículos elétricos das lojas Mercadona passam a integrar a rede MOBI.E

Atualmente, a Mercadona conta com 40 pontos de carregamento distribuídos pelas 20 lojas existentes em Portugal.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Testagem gratuita à Covid-19 alargada a todos os moradores da cidade de Lisboa

Quer isto dizer que o Plano Municipal de Testagem, anunciado em março passado, deixa de estar limitado aos moradores das freguesias com mais de 120 casos por 100 mil habitantes e a cidadãos maiores de 16 anos.

Conhece os novos jogos independentes para a Nintendo Switch no mais recente Indie World

Há 21 novos jogos independentes a caminho da Nintendo Switch, ainda este ano.

Matinal alarga gama de queijo fresco aos intolerantes à lactose

Em 2017, a Matinal apresentou o leite selecionado Matinal Leve, com menos lactose e sem gordura.