fbpx

Está fechado o cartaz do Milhões de Festa

Performance, concertos participativos, festas silenciosas com glitter e que revisitam a etnografia local, feiras e curadorias são as propostas que encerram o cartaz deste ano do Milhões de Festa. Cumprindo a promessa de trazer novidades de formato e conteúdo, esta décima primeira edição fecha as contas com duas mãos cheias de projetos que prometem abrir uma nova tradição para o festival minhoto.

Curadorias: Criação colaborativa

A criação em colaboração sai reforçada nesta edição do Milhões de Festa. Em continuidade, a parceria com o SWR Barroselas Metalfest, dedicada à mostra de bandas nos espetros mais pesados da música, assumida aqui pelos concertos de Nashgul, Greengo, Pé Roto e Ell Granada.

Em estreia está a curadoria da FAT OUT, coletivo de criação de Manchester responsável por algumas das mais turbulentas, intensas e obscuras festas da cidade. Ao Milhões, trazem a Festa da Abelha Gorda, uma celebração em que o mote é “to bee yourself” com a ajuda de muito glitter e das atuações de Croww, Marilyn Misandry, GSY!PA, Hajahh e do Queen Bee Supergroup.

E se de discos se faz também a vida da promotora Lovers & Lollypops, não poderia faltar aqui a parceria com a companheira FAVELA DISCOS, este ano a olhar de fora o Minho, as suas tradições e festas, com a Adega Cooperativa de Marte, os Amigos da Anta, o Psico-Baile e a atuação dos Fação Barulho, banda de post-techno-gaita-de-foles. Haverá ainda o leilão de um presunto vegan.

A cenografia do recinto está entregue, em mais um ano, à dupla Geração Aumenta (Alexandre Mota e Francisca Marques) que, com o apoio incondicional da ArtWorks, parte do metal como elemento matricial para a produção dos componentes cenográficos. A ArtWorks, empresa parceira desta intervenção, forneceu a matéria-prima e garantiu o equipamento e o espaço de trabalho necessários para a criação da maioria dos elementos em cena na edição deste ano.

Festas aos Milhões

Minhoto em genética, o Milhões de Festa não fecha os olhos às tradições do seu território, propondo um plano de festas que, em modo dança, completará a programação de bandas do cartaz. Honras de abertura para a AERÓBICA, a festa que tem vindo a marcar a diferença nas noites portuenses, garantia de total diversão e transpiração. A fechar o festival, o palco Taina transforma-se numa SILENT DISCO, com as atuações a serem transmitidas directamente para os headphones cedidos pela parceira Red Bull.

A cidade será ela também um dos palco do festival. Vaiapraia e As Rainhas do Baile, The Evil Usses, Johnny Hooker e Ensemble Insano são as bandas que, entre sexta e domingo, vão actuar em diferentes espaços de Barcelos.

E porque ser minhoto é também saber comer, o palco Taina vai, pela primeira vez, estar aberto ao almoço. Os concertos só começam à tarde, mas antes de se rumar à piscina, vai ser possível provar alguma da melhor gastronomia e diferentes vinhos locais.

Da performance à música, o público vai ser chamado a reagir

Concebendo o festival como mais do que um espaço musical, o Milhões de Festa 2018 vai estender tentáculos à performance, ao bem-estar e à participação. Serão várias as razões para o público se envolver com os artistas e criadores convidados. Da feira de webzines, BD e discos, NECROMANCIA EDITORIAL, às aulas de SuNA Yoga, que se realizarão todos os dias ao longo da tarde, passando por MOTION WITHIN, uma performance de 15 mulheres a bordo do único veículo autorizado para circular no espaço do festival depois da abertura de portas.

Lembremos aqui as já anunciadas atuações de NATALIE SHARP e GAZELLE TWIN, ambas a desenharem um novo espetáculo interativo que se estreará aqui em Portugal, e a rave techno-ritualística de UKAEA.

Os novos anúncios encerram com quatro novas entradas para o painel de nomes confirmados: Peter Gabriel Duo, Decibélicas, Phantom Chips, Sereias e DJ Lynce.

O festival minhoto regressa entre 6 e 9 de setembro com muita música para ouvir e descobrir. A par do campismo, a organização terá ainda disponíveis transfers gratuitos entre Braga e Barcelos e soluções de glamping.

Os bilhetes, esses, já estão à venda na bilheteira online e nos locais habituais por 60€ (passe geral) e 20€ (diário).
Toda a programação pode ser consultada no site oficial.


 

- Publicidade -

Afiliados

Sigam-nos

10,788FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
630SeguidoresSeguir

Media Partner

Relacionados

Circle Jerks estream-se em Portugal em julho do próximo ano

A novidade foi avançada pela promotora Hell Xis Agency.

Música – Álbuns essenciais (agosto)

Ao contrário de julho, o mês de agosto passou a voar (com férias pelo meio, pudera) e foi um mês com alguns álbuns que sabem a verão.

Opeth celebram 30 anos de carreira com concerto em Lisboa

Mas a grande novidade é o facto de que serão os fãs a escolher o alinhamento.
- Publicidade -

Mais Recentes

Burger King abre restaurante próprio em Porto Alto

É o sétimo restaurante próprio Burger King do grupo em Portugal.

Doom, Forza e mais a caminho do Xbox Game Pass em outubro

Há novos jogos para PC, Xbox e Android!