Martin Boutique Wines está a oferecer descontos de até 50% em alguns restaurantes

Têm é de ligar diretamente para os estabelecimentos e mencionar um código.

Esta é uma campanha que nos chega por parte de Pedro Martin, fundador da Martin Boutique Wines, que pretende levar as pessoas de volta aos restaurantes e ao mesmo tempo apelar ao consumo nacional. Assim, e até final de julho, estará a decorrer a iniciativa #martinboutiquewinesvoucher2por1, que, tal como o nome deixa antever, dá descontos de 50% nas refeições para duas pessoas (bebidas excluídas) em alguns restaurantes. Bom, quase.

Grenache, O Frade, Belmiro Restaurante, O Canhoto, BouBou’s e Sr. Lisboa são os restaurantes aderentes a esta campanha de 2 por 1. Por sua vez, o Lisboa é Linda dá somente um desconto de 30%, o que não deixa de ser bom na mesma.

Esta campanha é válida tanto ao almoço, como ao jantar, e, para que possam usufruir, têm de ligar diretamente para os restaurantes (ou seja, esqueçam reservas via Zomato, TheFork e afins) e mencionar o código #martinboutiquewinesvoucher2por1.

Esta campanha é acompanhada por uma série de vídeos, disponíveis na página de Facebook e, em breve, no site oficial, nos quais os chefs dos diversos restaurantes partilham as suas receitas, e, Pedro Martin, que acumula aqui o papel de produtor e de sommelier, sugere o vinho perfeito, do portefólio Martin Boutique Wines, para cada uma das iguarias propostas.

De resto, não se esqueçam de passar pela loja online da Martin Boutique Wines, onde não só podem comprar um vinho, mas também ter acesso a uma receita sugerida por um chef, de modo a que possam executar em casa e, dessa forma, criar a harmonização perfeita.

Fonte:MBW

Sigam-nos

12,157FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
653SeguidoresSeguir

Relacionados

- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Crítica – Gone Girl

Com um dos melhores argumentos e elencos da década respetiva, Gone Girl não podia ser mais chocante.

Crowdville. A plataforma que paga aos utilizadores por testarem apps e serviços online

Basicamente, estamos a ser pagos para que possamos dar a nossa opinião sobre algo.