Madeira. Passa a ser obrigatório usar máscara nos espaços públicos (abertos ou fechados)

A medida entre em vigor a 1 de agosto.

mascaras comunitarias
- Publicidade -

As coisas vão mudar no primeiro dia do próximo mês no arquipélago da Madeira. A partir de dia 1 de agosto, será obrigatório usar máscara em todos os espaços públicos, sejam abertos ou fechados.

O anúncio foi feito esta tarde pelo Secretário Regional da Saúde, Pedro Ramos, em conferência de imprensa.

Esta medida, que se deve ao aumento do número de turistas que visitam o arquipélago, é obrigatória para toda a gente, exceto para pessoas incapacitadas de colocar e retirar máscara e para crianças com até 10 anos de idade.

Com o uso obrigatório de máscaras em espaços públicos, o Governo Regional da Madeira espera, com isso, evitar cadeias de transmissão da COVID-19.

- Publicidade -

Parceiros

Relacionados

Hotel Pestana CR7 Funchal – Não é só para os fãs de futebol

Uma experiência bastante agradável e que nos faz querer voltar muito em breve.

30 praias na Madeira distinguidas com qualidade de ouro

São mais sete que no ano passado e vêm integrar uma já longa lista de razões para visitar a região autónoma.

Zomato chega finalmente à Madeira

Já estão disponíveis mais de 1.500 espaços na app.

Experiência Amar, Beber e Comer quer dar a conhecer a gastronomia da Madeira

Realiza-se este sábado, dia 15 de maio, sendo que os participantes apenas sabem o local onde tudo vai acontecer nas 72 horas antes.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

60.000 jovens vão poder fazer um Interrail gratuito já em 2022

Poderão viajar por um período máximo de 30 dias.

Chegou o trailer oficial da 3ª temporada de You

E muita coisa vai acontecer nos novos episódios. Depois das primeiras imagens e da data de estreia da terceira temporada,...

10.ª edição do Open House Lisboa leva-nos a descobrir “Os Caminhos da Água” com várias visitas gratuitas na capital e em Almada

25 e 26 de setembro são as datas do regresso do incontornável fim de semana de visitas gratuitas que desafia a percorrer e a desvendar a cidade através da arquitectura.