Fornecimento de eletricidade, gás natural e água pode voltar a ser cortado em julho

- Publicidade - trk
- Publicidade -

Estas medidas temporárias deixam de estar implementadas a partir do início do próximo mês de julho.

Para fazer face à pandemia, dando resposta às dificuldades enfrentadas pelos consumidores, o Governo tinha aprovado uma série de medidas no ano passado, como por exemplo obrigar as empresas a não cortar o fornecimento de luz, gás natural e água por falta de pagamento das respetivas faturas. Mas essa é uma medida que termina já no final deste mês de junho.

A partir de 1 de julho, caso existam valores em dívida, “as empresas poderão cortar os serviços, desde que enviem um pré-aviso de corte nos termos da lei”, diz a DECO em comunicado.

A entidade relembra também que “os serviços de telecomunicações não podem ser suspensos até 30 de junho, por falta de pagamento das faturas, em caso de desemprego, de quebra de rendimentos do agregado familiar igual ou superior a 20%, ou de infeção por COVID-19”.

Além disso, “os consumidores que se encontrem em situação de desemprego, ou quebra de rendimentos do agregado familiar igual ou superior a 20% face aos rendimentos do mês anterior, podem cancelar o seu contrato de telecomunicações sem qualquer penalização, até 30 de junho. Em alternativa, e nas mesmas condições, podem solicitar a suspensão do contrato de telecomunicações, sem penalizações, retomando-o a 1 de janeiro de 2022, ou noutra data a acordar com o operador”, refere ainda a DECO.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

- Publicidade -

Relacionados

Em Portugal, somente 10% das importações de gás natural são provenientes da Rússia

Não se prevê, por isso, que uma potencial interrupção do fornecimento por parte da Rússia represente uma disrupção no fornecimento de gás natural a Portugal.

Da canalização à eletricidade, a Fixador dá-vos uma “mãozinha”

Sabemos o quão difícil costumava ser encontrar um profissional que pudesse resolver um - ou mais - problemas que habitualmente surgem nas casas. Isso já é passado.

ECO. Esta marca sustentável de água filtrada e engarrafada reinventou a forma de consumir água

A marca já conseguiu poupar 180 toneladas de plástico descartável.
- Publicidade -
- Publicidade - trk
- Publicidade -

Mais Recentes

The Quarry – À descoberta da divertida estupidez do horror

The Quarry não é propriamente um jogo excecional, mas é divertido o suficiente para prender e manter investido até o jogador mais alheio ao seu género de horror.

Cinemas NOS no Glicínias Plaza finalmente em funcionamento em julho?

É o que dá a entender uma informação disponível dentro do próprio centro comercial.