- Publicidade -

L’Oréal criou tubo à base de papel para substituir algumas embalagens

-

Não quer isto dizer que, de momento, a marca vai já descartar o uso total do plástico, mas para lá caminha. Para já, sabemos que a L’Oréal, com a ajuda da Albéa, empresa especializada em soluções de embalagens sustentáveis para produtos de beleza, criou este tubo à base de papelão para, lá está, produtos cosméticos.

Neste caso existe o uso de plástico, sim, embora muito reduzido, uma vez que foi substituído, na sua maioria, por um material semelhante a papel com certificado biológico.

Segundo a nota enviada para as redações, “esta inovação apresenta-se como uma solução alternativa a alguns tipos de embalagens de cosméticos de plástico e a primeira produção industrial está planeada para o segundo semestre de 2020.”

Ou seja, provavelmente só deveremos começar a ver estas embalagens no mercado algures em 2021.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Sigam-nos

9,835FãsGostar
4,012SeguidoresSeguir
481SeguidoresSeguir

Mais Recentes

Bolt continua expansão e chega à ilha da Madeira e a Leiria

São mais duas cidades a contar com os serviços desta plataforma de TVDE.

The Church marcam dois concertos para Portugal

Foram uma banda importante nos anos 80, pelo que, em 2020, os The Church marcaram uma digressão que celebra 40 anos de carreira. E essa digressão vai passar por Portugal.

Este é o novo dobrável da Samsung

Depois do Galaxy Fold, eis que no chega uma espécie de anti-Galaxy Fold. Falamos, claro, do novo dobrável da Samsung, o Galaxy Z Flip, mas que se dobra em formato de concha.

Facebook vai pedir aos utilizadores que analisem melhor as suas configurações de privacidade

Por outras palavras, a rede social quer dar maior controle à experiência no Facebook, seja pela ferramenta de verificação de privacidade recentemente renovada, que permite que as pessoas controlem o que ver e partilhar, ou pelas ferramentas que permitem gerir as atividades fora do Facebook.

Lisboa vai ter o primeiro museu da reciclagem

Este projeto surge de uma iniciativa conjunta do Electrão – Associação de Gestão de Resíduos, da Câmara Municipal de Lisboa e do NewsMuseum e é, essencialmente, uma instalação pop-up, dedicada à compreensão do ciclo de vida dos resíduos, à importância da sua reutilização e reciclagem.
- Publicidade -