L.I.T.A.N.I.E.S. Ópera de confinamento de Nicholas Lens e Nick Cave chega em dezembro

Dois artistas, uma só obra.

- Publicidade -

De um lado, um compositor belga que surpreendeu o público internacional em 2012 com a sua ópera Slow Man, escrita com o prémio Nobel de Literatura, o romancista J.M. Coetzee. Do outro, um artista australiano amplamente conhecido do público. Juntos, criaram uma ópera de confinamento.

Tudo começou quando Nicholas Lens contactou Nick Cave (já tinham trabalhado juntos na ópera Shell Shock, em 2014), uma vez que precisava de um libretista para escrever as palavras para a sua música. Daí surgiu L.I.T.A.N.I.E.S, uma obra que contém 12 litanias, ou seja, 12 peças líricas que abordam o nascimento, o crescimento, as ruturas e o eventual renascimento de um ser humano.

No que toca à gravação, foi basicamente um caso Faça-Você-Mesmo e o “humilde” ensemble de câmara envolvido era composto principalmente por pessoas que simplesmente estavam perto de Lens durante o confinamento. Por causa das regras de distanciamento social, cada um dos músicos teve que entrar e gravar a sua parte separadamente, mas a obra finalizada, bela e comovente, revela um grupo unido a trabalhar com um propósito singular.

Lens alerta as pessoas para não pensarem na obra finalizada como sendo uma ópera tradicional encenada com personagens bem definidas e um claro arco narrativo.

L.I.T.A.N.I.E.S chega ao mercado a 4 de dezembro em formato digital, CD e vinil.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

Surpresa! Já podem ouvir Carnage, o novo álbum de Nick Cave

Carnage foi gravado durante o confinamento com o parceiro de longa data Warren Ellis, dos Bad Seeds.

Filme-concerto de Nick Cave vai passar na RTP2

No próximo domingo, dia 24 de janeiro.

Concerto de Nick Cave em Portugal foi cancelado

Devido às razões que todos nós já sabemos.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Estafetas manipulam GPS para ganharem vantagem nas plataformas de delivery

A Uber sabe disso e já começou a avisar quem está a "jogar sujo".

Crítica – Evangelion: 3.0+1.01 Thrice Upon a Time

Evangelion: 3.0+1.01 Thrice Upon a Time chega finalmente ao ocidente através da Amazon Prime, terminando a longa série anime, que marcou e traumatizou gerações, de forma vitoriosa e emocional.