Lidl deixa de comercializar ovos de galinhas criadas em gaiolas

É a primeira cadeia de retalho em Portugal a não comercializar ovos provenientes de galinhas criadas em gaiolas. A decisão segue a estratégia global de sustentabilidade do Lidl Portugal e vem reforçar o compromisso com o bem-estar animal.

É um avanço para um futuro mais consciente e responsável. O ovo é, a seguir ao leite materno, o alimento nutricionalmente mais rico e com mais benefícios para a saúde.

Portanto, no Lidl verás à venda ovos provenientes de galinhas no solo e de galinhas ao ar livre. Criadas em liberdade dentro de pavilhões, estas galinhas podem envolver-se com o meio que as rodeia, enquanto expressam o seu comportamento normal.

Para teres noção, as galinhas de gaiola têm os seus movimentos limitados a um espaço pouco superior a uma folha de papel A4. Isto faz com que não consigam bater as asas, nem tão pouco caminhar livremente.

Resta esperar que as outras cadeias de retalho sigam os passos do Lidl Portugal.

Segue-nos nas redes sociais no FacebookTwitter e Instagram.

- Publicidade -

Sigam-nos

10,692FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
623SeguidoresSeguir

Media Partner

Relacionados

Lidl instala semáforos em 100 lojas de norte a sul de Portugal

Depois das praias, os semáforos chegam aos supermercados.

Lidl aposta num hambúrguer e picado 100% vegans

São duas novas opções que integram a marca própria Next Level Meat.

Lidl Portugal vai encerrar todas as lojas às 19h

E já a partir de amanhã, dia 15 de março.
- Publicidade -

Mais Recentes

Oficial: MotoGP regressa a Portugal de 20 a 22 de novembro

Não fosse a COVID-19 e seria um ano inesquecível pelos melhores motivos.

Jack Black revela novas imagens de Psychonauts 2

O artista usou o seu canal de YouTube para mostrar como é que se joga a nova aposta da Double Fine.