Kingdom Hearts Melody of Memory já disponível para consolas

É, também, o primeiro título da série a ser disponibilizado para a Nintendo Switch.

- Publicidade -

Quando, no passado mês de junho, foi anunciado Kingdom Hearts Melody of Memory, somente sabíamos que o jogo iria ser lançado ainda este ano. Dois meses depois, tivemos então a confirmação de que o novo título iria chegar em novembro. Pois bem, já está disponível.

Este é um jogo bem diferente daqueles que conhecemos, uma vez que é um título rítmico. Em Kingdom Hearts Melody of Memory, os heróis que todos conhecemos lutam ao som das melodias da série, num jogo que acaba por ser uma celebração da música da aclamada compositora Yoko Shimomura.

Existem mais de 140 temas disponíveis, que vão desde composições como “Destiny Islands”, “Hand in Hand” e “Working Together”, da própria Shimomura, a clássicos dos universos Disney, como “Let It Go” ou “Under the Sea”, entre muitos outros.

Este jogo ritmico conta com três estilos de jogo diferentes, de modo a que jogadores de todas as idades e com mais ou menos experiência possam desfrutar desta aventura musical.

O mais recente título da franquia Kingdom Hearts é, também, o primeiro a ser disponibilizado para a Nintendo Switch. Melody of Memory está ainda disponível para PlayStation 4 e Xbox One.

Noutra nota, podem sempre aproveitar para (re)ler a nossa análise a Kingdom Hearts III.

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Sigam-nos

12,357FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
653SeguidoresSeguir

Relacionados

- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Crítica – Mank

Mank é uma homenagem bonita de David Fincher a Citizen Kane, que deixaria o seu pai tremendamente orgulhoso. Tecnicamente perto da perfeição, mas com alguns problemas narrativos.

Fórmula 1 – Grande Prémio do Bahrain mostra a importância do Halo

O impressionante acidente que deixou o carro de Romain Grosjean em chamas relembra a importância do Halo e de todas as medidas de segurança na prova rainha do desporto automóvel.

Análise – The Pathless

Despido de excessos, The Pathless apresenta um dos mundos abertos mais convidativos e misteriosos à exploração.