Agora sim: Já se pode ir do Parque das Nações até Vila Franca de Xira quase sempre junto ao rio

- Publicidade -

Um investimento municipal de cerca de 13 milhões de euros.

Inaugurada a 6 de julho, tendo sido construída a propósito da Jornada Mundial da Juventude, a ponte ciclopedonal sobre o Rio Trancão não estava, até aqui, totalmente operacional.

Na verdade, só agora é possível ir do Parque das Nações até Vila Franca de Xira quase sempre ao rio, pois só recentemente foi concluída a ligação ciclopedonal de Lisboa a Loures.

O percurso ribeirinho de Loures, com uma extensão de 6,1 km, junto ao rio Tejo, foi inaugurado esta semana e completa a ligação à ponte sobre o Rio Trancão.

Na ocasião, o presidente da Câmara Municipal de Loures, Ricardo Leão, salientou que se tratou de “uma obra tecnicamente muito complexa, toda ela em madeira sobre o sapal do rio”. Contudo, o autarca acrescentou que “esta obra não acaba aqui”, pois já no próximo mês de outubro terá início uma nova fase “muito importante do ponto de vista ambiental. Vamos plantar 1 600 árvores de pequeno porte e cerca de 42 mil arbustos para proteção da biodiversidade e do sapal”, afirmou.

Toda esta nova infraestrutura será depois complementada com o futuro Parque Verde, cuja construção se pretende que tenha início ainda este ano, nos terrenos que acolheram a Jornada Mundial da Juventude.

Este troço permite fazer a ligação intermunicipal de Vila Franca de Xira, passando por Loures, Lisboa, Oeiras até Cascais.

Esta será também uma ligação que integrará os Caminhos de Fátima e Santiago, permitindo que os peregrinos possam percorrer o seu caminho com mais segurança e menos riscos.

Foto: Ana Luísa Alvim | CML

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Publicidade

Relacionados

Mais recentes