- Publicidade -

Já conhecem o smartphone da ASUS que quer romper com realidades?

-

Por fora pode parecer apenas só mais um smartphone comum, já por dentro tem tecnologia de ponta. Quão futurista é o ZenFone AR? O suficiente para ser o primeiro smartphone do mundo com AR (Realidade Aumentada) e VR (Realidade Virtual), graças ao suporte para Tango e Daydream.

Apesar de Tango e Daydream serem tecnologias provenientes da mesma casa, a Google, prometem experiências e utilidades bastante diferentes, mas muito singulares quando usadas em conjunto.

Com o AR do Tango, vamos poder aceder a informação digital como se esta existisse no mundo real, graças a sensores posicionais de identificação de objetos e de motion-tracking.

Já com o Daydream podemos ter VR no nosso smartphone que, com um headset preparado, podemos colocar o mesmo em frente aos nossos olhos e entrar em mundos digitais, quer seja em jogos ou filmes, com uma imersão quase impossível de descrever por palavras.

Com as duas tecnologias em conjunto, a ASUS promete experiências virtuais únicas que misturam a nossa realidade com a realidade virtual de forma fácil e intuitiva para o utilizador.

Mas o que é que o ZenFone AR equipa para poder tirar partido destas tecnologias? Para além de diferentes sensores desenvolvidos em conjunto com os laboratórios da Google, o ZenFone AR inclui um sistema ASUS TriCam com três câmaras, uma capaz de captar imagens de 23MP, outra dedicada ao rastreamento de movimentos e a terceira à análise de profundidade de campo. No fundo, este sistema faz com que o dispositivo “veja” e “sinta” o espaço à sua volta. Segundo a marca, o sistema ASUS TriCam no ZenFone AR destaca-se de outros equipamentos pelo modo como as câmaras foram implementadas, tornado o smartphone mais ergonómico que os demais.

Também o processador do ZenFone AR é um novo Qualcomm® Snapdragon 821 optimizado para estas novas tecnologias.

Optimizado para o AR e o VR está também o tamanho do ecrã, que, apesar de parecer grande, é o tamanho ideal para tirar total partido das novas tecnologias. A ASUS também não se poupou na resolução e introduziu um ecrã Super AMOLED com uma resolução de 2560×1440 pixéis.

No departamento do áudio, o ZenFone AR também aparenta marcar pontos com tecnologias de som imersivas, como é o caso do DTS Headphone:X, que promete oferecer surround virtual de 7.1 canais. Algo que acreditamos acrescentar muito às experiências de realidade virtual.

O ZenFone AR vem ainda equipado com uns raros 8GB de RAM e 128GB para armazenar dados.

Em termos de aparência, o ZenFone AR, apresenta-se discreto e parece passar bem despercebido perto de outros smarphones, conseguindo, apesar da sua tecnologia, manter 4.8mm de espessura.

O ASUS ZenFone AR já se encontra disponível nas lojas com um preço recomendado a partir de 899,99€.

Segue-nos nas redes sociais no FacebookTwitter e Instagram.

- Publicidade -

Sigam-nos

10,027FãsGostar
4,038SeguidoresSeguir
501SeguidoresSeguir

Mais Recentes

Análise – Darksiders Genesis (Nintendo Switch)

Com uma nova perspetiva e assente numa experiência RPG, Darksiders Genesis é uma boa distração da série principal, dando-nos um olhar sobre os acontecimentos que antecederam o Apocalipse que destruir a Terra.

Peoople. Que rede social é esta que toda a gente está a falar?

Sim, é mesmo assim que escreve. Peoople. Surgiu em 2017, e, em menos de três anos, conseguiu dois milhões de utilizadores. Chegou recentemente a Portugal e, desde então, os portugueses ficaram loucos. Mas porquê?

Milky Chance no LxFactory – Uma noite de verão

Poderia muito bem ser um concerto no meio do deserto, com cactos à volta, um areal quente e o barulho das cigarras a enfeitar a voz rouca de Clemens Rehbein, o vocalista da banda alemã Milky Chance, mas o espaço do LxFactory, em Lisboa, preencheu, e bem, o propósito.

Porto. Abrigos para autocarros STCP vão ser mais confortáveis para os passageiros

A cidade do Porto prepara-se para uma mudança na via pública.

Microsoft Flight Simulator vai deixar-te voar pelo mundo inteiro e aterrar em todos os aeroportos

A nova versão do Microsoft Flight Simulator promete ser a mais ambiciosa da história da série.
- Publicidade -