Huawei apresentou o novo Honor 9

Vem aí o Honor 9, o modelo sucessor de Honor 8 que conquistou imensos fãs para a Huawei graças às suas características e linhas atraentes.

- Publicidade -

O novo dispositivo é semelhante ao anterior, mas por dentro vem equipado com muitas melhorias, como um novo processador Kirin 960, 6GB de memória RAM e um sensor de lente na câmara traseira com características superiores ao do iPhone 7 Plus.

O Honor 9 ainda conta com leitor de impressões digitais e sensor biométrico.

Nas restantes características mantém-se um dispositivo comum, com ecrã 5.15 polegadas Full HD, bateria de 3200mAh, memoria até 128GB e sistema operativo Android 7.0 Nougat.

Para já, o Honor 9 pode ser obtido no modelo 4GB RAM/64GB armazenamento por 338 dólares ou no modelo de 6GB RAM/128GB Armazenamento por 441 dólares, no mercado chinês. Tudo isto em três cores: dourado, cinzento e azul.

Não se conhece uma data nem preços para o nosso mercado, mas dia 27 de junho terá uma apresentação europeia em Berlim.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Sigam-nos

12,485FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
656SeguidoresSeguir

Relacionados

Control chega ao Xbox Game Pass juntamente com mais de uma dezena de jogos

Dezembro leva até à subscrição mais de uma de jogos para PC, consolas e smartphones.

Cat S42 é considerado o primeiro smartphone antibacteriano

Todas as superfícies externas do smartphone robusto Cat S42 têm proteção avançada de produto antimicrobiano.

Esta película para smartphone elimina 99,9% de vírus e bactérias

Além disso, aumenta também a resistência do ecrã em 300%.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Centro Cultural de Belém ganhou uma Padaria da Esquina

É o quarto espaço do chef Vítor Sobral dedicado a pães de fermentação lenta e bolos tradicionais.

Estado de Emergência. Eis as medidas para o Natal e passagem de ano

Basicamente, um prolongamento das medidas já em vigor.

Android Auto começa a chegar (de forma oficial) a Portugal

Em breve já não será preciso recorrer a plataformas alternativas para instalar a aplicação.