Hotel Turismo da Guarda vai mesmo reabrir

- Publicidade -

Mais detalhes serão divulgados em breve.

Encerrado durante vários anos, o Hotel Turismo da Guarda foi um dos primeiros imóveis colocados a concurso no âmbito do Programa REVIVE. Em maio de 2018, foi assinado contrato de concessão para a recuperação e exploração deste imóvel pelo consórcio composto pelas sociedades MRG Property e MRG – Construction, mas o projeto não avançou, devido a dificuldades financeiras com que o grupo concessionário, entretanto, se defrontou.

Mais recentemente, foi lançado um novo concurso que pretendia dar, finalmente, uma nova vida a este emblemático edifício da cidade da Guarda, projetado em 1936 pelo arquiteto Vasco Regaleira. Mas parece que não houve interessados.

A ser concessionado por 50 anos para exploração com fins turísticos, por uma renda mínima anual de 35.317,80€, as candidaturas encerraram a 21 de fevereiro, mas o concurso público ficou deserto, ou seja, não existiram candidaturas.

Esta quarta-feira, dia 6 de julho, o Hotel Turismo da Guarda assinalou o seu 75º aniversário, sendo que, para o Município da Guarda, a sua “recuperação e revitalização é urgente e necessária”, pois os projetos programados para o município “requerem a capacidade hoteleira” do equipamento.

“Não parámos de trabalhar e, ao longo dos últimos oito meses, realizámos vários encontros bilaterais entre o Executivo Municipal e a tutela governamental da área do Turismo, que nos permitem afirmar que a situação se encontra bem encaminhada”, indica o Município da Guarda no seu site oficial, referindo ainda que, caso o Governo não resolva a situação até ao final deste ano civil, a propriedade, livre de ónus e encargos, será devolvida ao Município da Guarda, de forma a encontrar a solução mais rápida e viável para a recuperação e entrada em funcionamento do Hotel Turismo.

Entretanto, já esta quinta-feira, na sua página de Facebook, a ministra Ana Manuel Mendes Godinho deu a novidade que todos queriam saber: o Hotel Turismo vai mesmo reabrir. Diz a responsável que é um “investimento em turismo essencial numa cidade que se projetará através do Porto Seco e do Centro Ibérico de Competências para a Economia Social”.

Mais detalhes serão divulgados em breve.

Foto: Município da Guarda

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

- Publicidade -

Relacionados

Há uma nova tentativa para recuperar o Hotel Turismo da Guarda

Encerrado durante vários anos, o Hotel Turismo da Guarda foi um dos primeiros imóveis colocados a concurso no âmbito do programa Revive.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Onde e quando assistir a O Senhor dos Anéis: Os Anéis do Poder

A série da Amazon tem estreia marcada para dia 2 de setembro em Portugal.

Death Stranding pode estar a caminho do PC Game Pass

A nova foto de perfil da conta oficial do Xbox Game Pass para PC denuncia o inesperado.

Cartaz do Festival F está fechado

Está quase aí um dos últimos grandes festivais de verão.