Governo quer começar a distribuir vacina contra a COVID-19 em janeiro

- Publicidade -

As palavras são de Marta Temido, Ministra da Saúde.

COVID-19

Seja da Pfizer, Moderna ou outra empresa, a verdade é que são muitos os cientistas que trabalham numa vacina contra a COVID-19, que, e ainda bem, parece estar iminente, até porque só assim será possível regressar à normalidade.

Agora, numa altura em que se fala que as primeiras doses deverão começar a ser distribuídas em alguns países em dezembro, eis que Marta Temido, Ministra da Saúde, refere que o Governo está a “preparar tudo para poder ter a distribuição da primeira vacina em janeiro”.

As declarações da ministra foram proferidas no podcast do PS, Política com Palavra. Contudo, será necessário fazer a identificação das populações alvo, que serão “maioritariamente pessoas acima de uma certa idade, com morbilidades associadas, profissionais de saúde e de serviços essenciais e eventualmente profissionais de serviços sociais”.

Essa definição de populações alvo e grupos prioritários caberá à Direção Geral de Saúde. Marta Temido anunciou ainda que foi criada uma task force, isto é, um grupo de trabalho que irá preparar a distribuição das vacinas em território português.

Resta agora esperarmos mais algumas semanas para sabermos se, de facto, tudo isto será cumprido.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

- Publicidade -

Relacionados

Campanha de vacinação contra gripe e Covid-19 arranca a 5 de setembro

O plano prevê um investimento de 15 milhões de euros em vacinas contra a gripe e de 6,9 milhões de vacinas contra a Covid-19.

Testes rápidos à COVID-19 voltam a ser gratuitos a partir de 19 de novembro

Isto numa altura em que os casos têm estado a aumentar.

Maiores de 65 anos começam a ser vacinados com a terceira dose da vacina contra a COVID-19 na próxima semana

O Governo já garantiu que haverá vacinas suficientes para arrancar com a inoculação da terceira dose.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

easyJet põe à venda bilhetes para 14 novas ligações

Entre estes voos, há uma nova rota para Rennes.

Iberdola coloca em funcionamento, no distrito de Setúbal, a sua primeira central fotovoltaica em Portugal

A Algeruz II produzirá energia limpa suficiente para abastecer mais de 11.000 casas e evitar a emissão de 13.400 toneladas de CO2 por ano.