Ford já produziu 10 milhões de unidades do Mustang

A Ford está a comemorar a produção do seu Mustang nº 10.000.000, unidade que ilustra aquele que tem sido, ao longo dos últimos 50 anos, o desportivo mais vendido na América, bem como o desportivo mais vendido do mundo há três anos consecutivos.

- Publicidade -

Esta unidade é representada por um Ford Mustang GT Convertible, versão 2019, na cor Wimbledon White, integrando um elevado conteúdo tecnológico, nomeadamente o motor V8 de 460 cv, uma caixa de seis velocidades manual e as mais recentes tecnologias de apoio à condução. Produzido na Fábrica de Montagem de Flat Rock, no estado do Michigan (EUA), tem a mesma cor da primeira unidade serializada de sempre – com o VIN 001 – do Ford Mustang, uma versão 1964 então equipado com um motor V8 de 164 cv e uma caixa de três velocidades.

A Ford está a comemorar este marco histórico através da realização de diversas celebrações com empregados, na sua sede de Dearborn, e na própria Fábrica de Montagem de Flat Rock (EUA), em acções que incluem voos de três aviões de combate P-51 Mustang, da 2ª Guerra Mundial, enquanto várias unidades do Mustang, produzidas ao longo de mais de cinco décadas, desfilavam de Dearborn até Flat Rock, berço do atual Mustang.

Ao longo do historial de produção de 54 anos, o Mustang foi também fabricado em San Jose (Califórnia) e Metuchen (Nova Jersey), para além do seu berço original, a Fábrica de Dearborn (Michigan).

Ford Mustang – O desportivo mais vendido

O Mustang é o desportivo mais vendido na América ao longo dos últimos 50 anos, estatística baseada num estudo da Ford, abrangendo o período 1966-2018 e tendo em conta o total acumulado dos novos registos de automóveis desportivos nos EUA, de todos os segmentos, da autoria da IHS Markit.

Entretanto, desde que lançou este icónico modelo na Europa em 2015, a Ford já vendeu mais de 38.000 unidades do Mustang na região. No ano passado, em Portugal, matricularam-se 185 Ford Mustang.

Melhor do que nunca

O novo Ford Mustang surge com um visual exterior mais atlético e um interior mais luxuoso, onde se integram materiais de toque suave e um painel de instrumentos digital de 12 polegadas. Entre as avançadas mecânicas incluem-se um bloco Ford V8 de 5,0 litros, com 450 cv, associado a uma transmissão automática de 10 velocidades, conjunto que lhe permite alcançar uma aceleração dos 0 aos 100 km em 4,3 segundos, consumos de 12,1 l/100 km e 270 g/km de CO2. Em opção, está disponível uma transmissão manual de seis velocidades, equipada com uma nova tecnologia que faz a correspondência com a rotação do motor, garantindo maior suavidade, reduções de caixa mais rápidas, estas acompanhado por um “blip” do potente motor.

Para além disso, a Ford apresentou, no início do ano, uma nova Edição Especial Ford Mustang Bullitt, equipada com uma versão melhorada do bloco V8 5.0, destinada a celebrar o 50º aniversário do lendário filme da Warner Bros.

A título de curiosidade, o Ford Mustang conta com mais gostos na sua página no Facebook do que qualquer outro modelo automóvel do planeta.


 

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Sigam-nos

12,987FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
784SeguidoresSeguir

Parceiros

Relacionados

Novo serviço do Centro Colombo informa-nos onde estacionámos o carro

Assim sabemos sempre como voltar ao nosso veículo.

Ensaio – Ford Puma ST Line X

O Puma mostra as suas garras

Ensaio – BMW Série 1 120d

O novo modelo de entrada da BMW, agora com tração frontal.

O novo Toyota Supra acelera em GT Sport

Saudades do icónico Toyota desportivo? A Polyphony Digital vai adicionar ao seu simulador automobilístico o modelo mais recente de um...
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Análise – Creative Stage V2

Uma barra de som com um subwoffer dedicado que, em conjunto, podem fazer maravilhas para quem tem televisores mais antigos.

McDonald’s e Burger King estão quase a abrir restaurantes na Nazaré

Após não se ter concretizado a abertura no ano passado, 2021 é o ano em que as cadeias de fast food vão chegar à Nazaré.

Tomatino. Setúbal vai receber novo restaurante dedicado às pastas italianas

Vai situar-se no local que, até então, era do Café 3.