Fomos conhecer os novos vinhos da Herdade da Barrosinha

Um evento de apresentação que serviu, também, para assinalar o lançamento da atividade enoturística da propriedade.

- Publicidade -

Se nos acompanham há algum tempo, poderão estar relembrados que, em novembro de 2019, tivemos oportunidade de ir conhecer o Hotel da Barrosinha, localizado na Herdade da Barrosinha, uma zona rural a dois quilómetros de Alcácer do Sal.

Na altura, ficámos logo com uma certeza: de que se tratava de um hotel, inserido numa belíssima herdade, capaz de oferecer uma paisagem rústica e tipicamente alentejana, num ambiente único. Agora, em 2021, voltámos ao local, mas para algo diferente: a apresentação dos novos vinhos Barrosinha.

O lançamento dos novos vinhos das colheitas de 2019 e 2020 são o resultado do trabalho iniciado há dois anos com a nova equipa de enologia liderada por Filipe Sevinate Pinto e Frederico Vilar Gomes, que introduziram mudanças no perfil dos vinhos, no seu posicionamento e uma nova imagem. Por outro lado, contribui para a apresentação de conceito dos novos vinhos a profunda alteração das condições de produção na vinha e na adega, bem como nas estruturas de acolhimento e serviço aos visitantes da Barrosinha, materializada na abertura de uma taberna típica e na requalificação integral do Hotel Rural da Barrosinha.

Temos, portanto, os novos Tinto, Castelão, Reserva de Tinto e Grande Reserva Tinto, da colheita de 2019, e ainda os vinhos Branco, Rosé e Reserva de Branco, da colheita de 2020, com o selo de Vinho Regional Península de Setúbal. E apesar de recém-lançados, já fazem sucesso: dois deles, os Reserva de Tinto 2019 e Grande Reserva Tinto 2019 conquistaram há poucos dias a Medalha de Prata dos Prémios do Concurso Vinhos de Portugal, uma iniciativa da ViniPortugal.

Mas vamos conhecer os novos vinhos ao pormenor:

  • Barrosinha Castelão 2019 (19€) – Apresenta uma cor rubi de média intensidade. Com um aroma complexo e delicado, apresenta notas de fruta vermelha madura, típicas da casta castelão, ligeiro vegetal fresco e notas tostadas bem integradas do longo estágio em barricas. Na boca é um vinho com taninos firmes, elegante e persistente. Deve ser servido a uma temperatura de 18ºC e acompanha bem pratos de bacalhau e pratos de caça mais delicados;
  • Barrosinha Tinto 2019 (3,75€) – Apresenta uma cor rubi de média intensidade. Tem um aroma fresco com notas ligeiramente frutadas, leve vegetal típico da casta trincadeira, com notas de tosta bem casadas. Na boca é um vinho elegante, delicado e persistente. Deve ser servido a uma temperatura de 18ºC e acompanha bem vitela estufada, assados de carne e massas condimentadas;
  • Barrosinha Reserva Tinto 2019 (9€) – Apresenta uma cor rubi concentrada. Tem uma aroma a frutos vermelhos bem maduros, bem integrados com notas tostadas do estágio em barricas. No palato é amplo e equilibrado com taninos presentes em camadas que nos remetem para um final longo e persistente. Deve ser servido a uma temperatura de 17ºC e acompanha bem carnes grelhadas e queijos curados;
  • Barrosinha Grande Reserva 2019 (20€) – Apresenta uma cor violeta intensa. Tem um aroma exuberante com notas de fruta preta madura, ligeiro vegetal típico da casta Cabernet Sauvignon e tosta bem presente e integrada. Na boca é um, vinho encorpado, com final saboroso e persistente. Deve ser servido a uma temperatura de 17ºC e acompanha bem carnes vermelhas mal passadas, porco preto grelhado e queijos curados.;
  • Barrosinha Rosé 2020 (3,75€) – Apresenta uma cor salmão ligeira. Tem um aroma delicado a frutos silvestres e romãs, sendo que na boca é elegante, fresco e frutado. Deve ser consumido a uma temperatura de 10ºC e acompanha bem peixe grelhado, arroz de lingueirão e mariscos de concha;
  • Barrosinha Branco 2020 (3,75€) – Apresenta uma cor citrina esverdeada. Tem um aroma frutados com notas de limão, frutos tropicais e leve vegetal típico da casta arinto. Na boca é um vinho frutado, fresco e persistente. Deve ser consumido a uma temperatura de 18ºC e acompanha bem peixe grelhado, arroz de lingueirão e mariscos de concha;
  • Barrosinha Reserva Branco 2020 (6,50€) – Apresenta uma cor citrina. Tem uma aroma delicado e complexo, com notas ligeiramente tostadas, a combinar com fruta e vegetal típico da casta Arinto. Na boca, é um vinho mineral, fresco e persistente. Deve ser consumido a uma temperatura de 12ºC e acompanha bem queijos de pasta mole, caldeiradas de peixe, e ensopado de enguias.

E com perfis diferentes, também a vinificação varia. Para os Barrosinha Castelão 2019, Barrosinha Reserva Tinto 2019 e Barrosinha Grande Reserva 2019, optou-se pelo método tradicional em ânforas argelinas, com temperaturas de fermentação a cerca de 24ºC e estágio em barricas de carvalho francês durante 15 meses (12 meses no caso do Reserva Tinto 2019). Já o Barrosinha Tinto 2019 também contou com uma vinificação pelo método tradicional em ânforas argelinas, com temperaturas de fermentação a cerca de 24ºC. A diferença para os anteriores é que 30% do vinho estagiou em barricas de carvalho francês, ao passo que os restantes 70% em ânforas.

Já na colheita de 2020, a vinificação também varia. Para o Barrosinha Branco 2020 e Barrosinha Rosé 2020 é a mesma: Prensagem suave, clarificação estática natural e fermentação alcoólica a 14°C, finalizando com estágio sobre as borras finas ( sur lie) até ao engarrafamento. Mas muda no caso do Barrosinha Reserva Branco 2020: Prensagem suave, clarificação estática natural e fermentação alcoólica a 16°C, com uma última fase de fermentação em barricas de carvalho francês de 225L, e estágio sobre as borras (sur lies) de oito meses até ao engarrafamento.

Todos os vinhos podem ser adquiridos na loja online. Caso vivam perto, aconselhamo-vos a passarem no local, pois desta forma evitam pagar portes de envio.

Este evento de lançamento dos novos vinhos da Herdade da Barrosinha ficou ainda marcado pelo lançamento da atividade enoturística da propriedade que promoverá a aliança entre a produção vitivinícola e o acolhimento de turistas e visitantes no Hotel da Barrosinha e nas sete villas que complementam a disponibilidade de alojamento, potenciando, assim, a distinção da sua oferta na região.

Entre as muitas atividades previstas para consolidar a oferta enoturística, incluem-se provas de vinhos na Adega e Taberna, criação de menus harmonizados com os vinhos da Herdade, passeios pedestres pelas vinhas, piqueniques, passeios de charrete, entre muitas outras atividades.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

MB Way Challenge está de volta com muitas novidades

E promete ser mais animado em relação à versão anterior.

Eddie Murphy vai protagonizar, pelo menos, mais três filmes para a Amazon

Resta-nos aguardar pelas respetivas datas de lançamento.