fbpx

FIFA 21 não vai ter multijogador entre consolas

O cross-play não vai ser suportado no próximo FIFA.

FIFA 21 crossplay

São cada vez mais os jogos que começam a suportar multijogador cross-play, permitindo que os jogadores possam jogar com amigos de outras plataformas, como PCs e consolas de marcas diferentes.

A tendência, que tem sido abraçada por dezenas de produtores e até pelas produtoras de hardware, começa a levantar as expectativas dos jogadores, mas a EA não parece querer dar este passo, pelo menos com FIFA 21, segundo a conta oficial de comunicação da EA FIFA.

Apesar de termos vistos outros jogos dos estúdios da Electronic Arts a receberem esta componente, FIFA 21 só poderá ser jogado com amigos e oponentes que tenham a mesma versão do jogo. Significa, assim, que um jogador da Xbox One só poderá jogar com pessoas nessa mesma consola, e não com jogadores da PlayStation 4 ou PC.

O mesmo se estende a consolas da mesma família, ou seja, se no futuro tiverem a versão da PlayStation 4 e quiserem jogar com amigos na PlayStation 5, só o poderão fazer com a atualização da consola e do jogo.

Na mesma mensagem da EA FIFA, houve notícias mais animadoras, especialmente para os adeptos do FUT, que poderão levar o seu progresso para a nova geração.

FIFA 21 chega ao PC e consolas a 9 de outubro.

- Publicidade -

Afiliados

Sigam-nos

10,788FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
630SeguidoresSeguir

Media Partner

Relacionados

Revelados os temas que fazem parte da banda sonora de FIFA 21

E há um português a dar um ar de sua graça.

FIFA 21 não terá demo jogável

Não vai ser possível experimentar antes de comprar.

Lionel Messi é o jogador com melhor pontuação em FIFA 21

O nosso Cristiano Ronaldo surgem em segundo lugar.
- Publicidade -

Mais Recentes

2Yummy. A loja online para quem procura uma alimentação mais saudável e ecológica

Mas há mais do que somente comida entre os mais de 1.000 artigos no site.

Análise – Tennis World Tour 2

Tennis World Tour 2 é a segunda edição da franquia que muito prometia e pouco cumpriu em 2018. Dois anos volvidos e parece que pouco mudou.