Festival do chapéu está de volta a S. João da Madeira

É ja de 19 a 21 de julho que acontece em S. João da Madeira a terceira edição do Hat Weekend, o festival de rua que pretende celebrar o chapéu e as suas tradições.

- Publicidade -

S. João da Madeira voltará a receber dezenas de propostas artísticas que, da música à performance, ou das artes visuais ao ilusionismo, atualizam a história daquele que é o símbolo máximo da cidade. Na lista de primeiras confirmações, temos o ilusionista Mário Daniel, o coletivo Kumpania Algazarra e o espetáculo de comunidade Lúmen.

Antes da chegada do festival, a capital do chapéu inaugura, a 13 de Abril, a instalação de Andrés Lozano, aquela que será a segunda obra a integrar o circuito de arte urbana iniciado no ano passado com a pintura de Mariana, a Miserável.

O projeto, comissariado pelo Canal 180, prevê a criação de um conjunto de peças que reinterpretam a herança chapeleira da região.

O Hat Weekend é organizado pela Câmara Municipal de São João da Madeira, em parceria com o Museu da Chapelaria e com o apoio do programa Norte2020. A programação total do evento será revelada ao longo dos próximos meses.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Sigam-nos

12,931FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
656SeguidoresSeguir

Relacionados

Festivais Primavera Sound adiados para 2022

É expectável que o mesmo aconteça com o NOS Primavera Sound.

Sundance 2021 – Quinto dia

Opiniões concisas sobre os filmes que assisti durante o quinto dia do festival Sundance 2021, incluindo links para as respetivas críticas.

Sundance 2021 – Quarto dia

Opiniões concisas sobre os filmes que assisti durante o quarto dia do festival Sundance 2021, incluindo links para as respetivas críticas.

O Echo Boomer vai cobrir o Festival Sundance 2021

2021 pode vir a ser um ano ainda mais complicado que o anterior, mas janeiro guardou uma surpresa gigante para mim.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Crítica – One Night In Miami

One Night in Miami conta com um dos melhores elencos de 2020. Uma obra magnífica de filmmaking e storytelling.